PLACAR

Errani derruba Wozniacki após 2h50 e enfrenta Bia em Madri

Sara Errani (Foto: Mateo Villalba/MMO)

Madri (Espanha) – A experiente italiana Sara Errani será a primeira a adversária de Beatriz Haddad Maia no WTA 1000 de Madri. A atleta de 36 anos e ex-número 5 do mundo veio do quali e estreou na chave principal derrotando a dinamarquesa Caroline Wozniacki, ex-líder do ranking e que recebeu convite dos organizadores, por 3/6, 7/5 e 6/4 em 2h50 de partida.

O confronto entre Bia e Errani acontecerá nesta quinta-feira, por volta das 9h (de Brasília) na quadra 4 do complexo da Caixa Mágica. Além disso, a paulistana de 27 anos busca uma vitória inédita na chave principal em Madri, em sua terceira participação no evento. Errani tem três vitórias e uma derrota contra a brasileira no circuito, mas elas não se enfrentam desde 2018.

Errani não vencia Wozniacki desde 2008

Finalista de Roland Garros em 2012, Errani aparece atualmente na 100ª posição do ranking da WTA e recentemente também alcançou as quartas de final em Bogotá. A italiana conseguiu apenas sua segunda vitória em seis jogos contra Wozniacki no circuito, a primeira desde 2018.

Eliminada na estreia, Wozniacki está com 33 anos. Ela encerrou a primeira fase de sua carreira em 2020, quando tratava de artrite reumatóide, uma doença auto-imune que limitava seu calendário de treinos e competições. Mãe de dois filhos, a dinamarquesa só voltou a jogar em agosto do ano passado e ocupa atualmente o 117º lugar do ranking. No mês passado, chegou às quartas em Indian Wells. Seu principal objetivo é se classificar para os Jogos Olímpicos de Paris.

Italiana usou lobs e curtinhas para virar o jogo

Diante de uma adversária que se defende muito bem, mas não tem tanta potência nos golpes ou um saque tão efetivo, Wozniacki tentou dominar os pontos desde as devoluções e jogar em cima da linha, com maior iniciativa durante os ralis. A dinamarquesa conseguiu quatro quebras durante o primeiro set e liderou com folga a estatística de winners por 16 a 5, cometendo também 16 erros contra 10.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

O segundo set começou equilibrado e com domínio das sacadoras até o oitavo game. Wozniacki, que havia escapado de três break-points e deixado escapar uma chance de quebra, perdeu o saque e permitiu à italiana fazer 5/4. Na reta final do set, Errani não deu nada de graça. Ela devolvia muito bem e sustentava todas as trocas de fundo, usando muito bem as curtinhas e até algumas bolas mais altas, além de contar com erros da dinamarquesa para vencer a parcial. Wozniacki fez 22 a 13 nos winners, mas cometeu 14 erros contra 5.

A estratégia adotada por Errani de apostar em bolas curtas e trazer Wozniacki para a rede seguia funcionando muito bem no terceiro set e a italiana encontrava a quadra a aberta para a definição dos pontos com com lobs ou passadas. A italiana chegou a liderar por 4/2, cedeu o empate no oitavo game, mas voltou a quebrar e fez 5/4. A ex-top 5 perdeu a primeira chance de sacar para o jogo, mas recuperou a vantagem com uma sequência de curtinhas e aproveitou a segunda chance de fechar. Wozniacki fez o dobro de winners que Errani na partida, 58 a 29, mas cometeu 48 erros contra só 20 da italiana. Além disso, Errani colocou 91% de primeiros serviços em quadra, sem forçar o saque, mas utilizando boas colocações.

20 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
João Sawao ando
João Sawao ando
27 dias atrás

A Sara vai dar trabalho para Bia mas da para Bia ganhar

Geraldo Cristóvão
Geraldo Cristóvão
26 dias atrás
Responder para  João Sawao ando

Não vai dar trabalho nenhum a Beatriz. Sara Errani está na descendente de final de carreira. Vai ser presa fácil para Bia. Deu para ver no jogo com Wosniaki que Errani tem limitação física. Esse jogo foi uma zebra enorme. Nas, CNTP´s, a ex-número 1 não perderia esse jogo, mesmo no saibro.
Arrisco o placar de Bia vs Errani: 6×2 6×0 em 1hora e 10 minutos.

Marcus Martins
Marcus Martins
27 dias atrás

Assisti o jogo. Vai ser difícil p Bia . Errani joga no erro da adversária . Vai ter que ver muita paciência a Bia.

HELTON
HELTON
27 dias atrás
Responder para  Marcus Martins

Em compensação a Bia ataca a devolução de saque da adversária e o saque da Errani é bem abaixo do normal.

Paulo A.
Paulo A.
27 dias atrás
Responder para  Marcus Martins

Parada duríssima para a Bia. Se jogar como atuou ultimamente, será inapelavelmente derrotada.

Guilherme
Guilherme
27 dias atrás
Responder para  Paulo A.

Inapelavelmente inutil seu comentario

Andrade
Andrade
27 dias atrás

Errani tem um saque muito ruim. Além disso, gosta de balões, bolas altas, sem peso. Acredito que Bia tem boas chances de vitória, é só ter paciência e concentração para atacar os balões da adversária no momento certo.

Amigo
Amigo
27 dias atrás
Responder para  Andrade

Aí é que mora o perigo! Poderia chamar de: caminho das pedras! A Bia tem mostrado evolução com bolas altas, mas… sempre foi um problema no jogo dela. Placar final 2×0 bia. Sou brasileiro e jamais torcerei contra. Hahahaha

Última edição 27 dias atrás by Amigo
Daniel Macedo
Daniel Macedo
27 dias atrás

Quem inventou a expressão “ganhar na manha” deve ter imaginado vitórias como essa da Errani, hoje. Mesmo tendo um jogo que a Bia odeia, ainda assim me parece melhor enfrentar a italiana que a Wozniacki. Mas a Bia tem que jogar muito concentrada e sólida.

André Aguiar
André Aguiar
27 dias atrás

Não lembro da Bia ter uma R1 tão fácil em M1000.

Fernando Venezian
Fernando Venezian
27 dias atrás
Responder para  André Aguiar

Concordo

Rodrigo
Rodrigo
27 dias atrás

Estreia dificílima para Bia. Além de estar com ritmo do quali, essa jogadora joga nos erros das adversárias. Preferia a Caroline mas já que veio a italiana. Mais vamos ver né… não dar para prever nada nessa atual fase da Bia.

Fernando Romero
Fernando Romero
27 dias atrás
Responder para  Rodrigo

Pelamordedeus. Se a Haddad Maia não liquidar a Errani rapidamente, é melhor desistir! A Wozniacki é uma ex-tenista no circuito. O pessoal reclama dos sorteios de chave da Haddad Maia mas moleza maior que essa amanhã não existe.

Fernando Venezian
Fernando Venezian
27 dias atrás
Responder para  Fernando Romero

Concordo, xará! Só no “a Wozniacki é uma ex tenista” que não concordo. A dinamarquesa joga pregada no fundo e, contra a Errani, que joga esperando a adversária errar, é preciso variar o jogo, subir à rede etc….se a Bia não variar, pode se enrolar também, mas acho difícil. A brasileira tem obrigação de ganhar

Neto
Neto
27 dias atrás

Wozniacki vacilou. Mas a Bia não pode vacilar. Sem falar que a Errani pode vir um tanto cansada… Vamos, Bia!

Fernando Venezian
Fernando Venezian
27 dias atrás

Errani é uma jogadora que precisa ser estudada! Ela não tem nenhum golpe decente! Saca fraco, bate o forehand fraco, backhand idem! E já chegou em final de Slam jogando assim! Inacreditável

Última edição 27 dias atrás by Fernando Venezian
Refaelov
Refaelov
27 dias atrás
Responder para  Fernando Venezian

Consistência, alto QI tático e ótimo físico/movimentação, pro tênis feminino é o suficiente pra alcançar esses feitos, a italiana decaiu justamente pela queda física q derrubou esse tripé..

Refaelov
Refaelov
27 dias atrás

Galerinha que jura q é proibido criticar fzd contorcionismo dos fatos pra afirmar q a Errani é uma adversária das mais poderosas da chave num saibro com altitude como Madri, única e exclusivamente pra já justificar uma nova entregada da Bia.. feio..

Tem q agradecer aos céus que a Italiana despachou a dinamarquesa, vai pegar uma adversária com zero potência vindo de 3 jogos encardidas em 3 sets seguidos.. N vai nem precisar do seu saque a Bia, dá pra levar só na devolução do saque débil da italiana..

Edison
Edison
27 dias atrás

Errani é aquela q saca a 60 km/h?

Alecsa
Alecsa
27 dias atrás

Ah não sei nem o que dizer… Ultimamente tudo o quero e ver a Bia jogando o tênis de início de 2022 e final de 2023… Por que 2024 até aqui pode por no saco e jogar no lixo. Sim ela é uma boa jogadora, poderia ser melhor se tivesse uma mente forte para se manter focada… E sim tem um bom ranking como muitos jornalistas gostam de enaltecer… Mas sejamos sinceros o ranking da Bia se mantém pela oscilação do tênis feminino no que diz respeito as intermediárias…. O top continua o top…. Do que pelo que a Bia tem feito… E não estou criticando porque acho que ela não deveria estar onde está… Ela chegou lá por mérito e merece e continuarei torcendo para que melhore cada vez mais, mas nos últimos tempos tenho sofrido assistindo os jogos dela… Determinação e coragem … Se esperar a Errani jogar, vai perder…. Wosniaki é a prova…. Bora Bia! ☺️

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE