PLACAR

Draper larga bem em Adelaide, Kokkinakis cai na estreia

Jack Draper (Foto: Andrew Eichenholz/ATP Tour)

Adelaide (Austrália) – O jovem britânico de 22 anos Jack Draper foi um dos destaques da rodada desta segunda-feira pelo ATP 250 de Adelaide. Ele precisou de apenas 1h18 para vencer o argentino Sebastian Baez por 6/1 e 6/3 em sua partida de estreia.

Depois de ter sofrido com problemas físicos no ano passado, como uma lesão muscular na região abdominal e um problema no ombro que o afastou do circuito por três meses, Draper terminou a temporada jogando sua primeira final de ATP em Sófia. Atual 62º do mundo, ele chegou a estar no top 40 no início do ano passado, antes das lesões.

“Fiquei muito feliz com meu desempenho hoje. Não é fácil disputar o primeiro jogo do ano, mas espero ir o mais longe que puder esta semana”, disse Draper após a partida. “Me sinto muito forte no momento e muito feliz com meu corpo e meu jogo. Espero poder continuar jogando sem lesões”.

 

O adversário de Draper nas oitavas será o sérvio Miomir Kecmanovic, 55º do ranking, que derrotou o norte-americano Mackenzie McDonald por 6/4 e 6/2. O histórico de confrontos entre os dois está empatado por 1 a 1.

Outro sérvio a vencer na rodada foi o experiente Dusan Lajovic, jogador de 33 anos e 52º do ranking. Ele superou o australiano Thanasi Kokkinakis, que é nascido em Adelaide e já ganhou o torneio em 2022, com parciais de 3/6, 6/1 e 6/4. Lajovic espera o vencedor entre o tcheco Jiri Lehecka e o australiano Adam Walton.

Já na partida mais longa da rodada desta segunda-feira, o russo Alexander Shevchenko venceu uma batalha de 2h56 contra o argentino Tomas Etcheverry por 7/6 (7-4), 4/6 e 7/5. Ele pode enfrentar o australiano Christopher O’Connell ou o francês Arthur Rinderknech.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE