PLACAR

Djokovic fala do Big 3, vacina e mental no ’60 Minutes’

Foto: Reprodução

Nova York (EUA) – O número 1 do mundo foi o entrevistado especial do renomado programa ’60 Minutes’, da rede norte-americana CBS. Novak Djokovic conversou sobre diversos temas com o âncora Jon Wertheim, entre os quais a amizade com Rafael Nadal e Roger Federer, a ainda polêmica questão da vacina da covid-19 e sobre seu poder mental nas quadras.

Sobre a proximidade entre os membros do chamado ‘Big 3’, Nole foi claro: não há uma efetiva amizade com Nadal e Federer. ““Obviamente não nos demos muito bem durante nossas carreiras fora das quadras. Não somos amigos porque somos rivais e é difícil sermos próximos como concorrentes. Certas coisas que são compartilhadas sobre sua vida ou como você se sente podem ser usadas contra você. Mas partilhamos o palco há muitos anos e penso que o maior respeito está sempre presente, pelo menos da minha parte para com eles”.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Djokovic acredita que, ao final das carreiras, seja então possível haver maior proximidade entre todos, como aconteceu justamente entre Nadal e Federer ou, como lembrou o jornalista, entre Martina Navratilova e Chris Evert. “Eu adoraria muito. Espero que um dia estejamos mais próximos, poder sentar, conversar e refletir, seria incrível”.

A questão de sua recusa sobre se vacinar contra a covid-19, decisão que custou a ausência em torneios de Grand Slam e Masters 1000, Djokovic tentou não polemizar. “As pessoas tentaram dizer que sou ‘antivax’, quando não sou. Também não sou pró-vacina, sou apenas a favor da liberdade de decisão”.

Wertheim arriscou a dizer que a força mental do sérvio seria uma dádiva, mas Djokovic o corrigiu com um sorriso: “Tenho que te corrigir, não é um presente, é algo que se desenvolve com trabalho”.

Por fim, o sérvio reafirmou que sua disposição para se manter em grande forma é a busca por recordes. “Adoro vencer, não há dúvida disso. Os recordes me inspiram e me motivam. Para mim é completamente normal. Seja honesto, seja autêntico e expresse o que você sente. Eu apenas tento ser honesto comigo mesmo e com os outros, é simples assim.”

33 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Henrique
Henrique
6 meses atrás

Esse Djokovic é um animal. Apesar de nem sempre concordarmos com as pessoas, isso não muda nada o fato que ele é um atleta brilhante!

Jorge Luiz
Jorge Luiz
6 meses atrás

Vida longa ao rei dos reis Novak Djokovic maior e melhor tenista de todos os tempos

Paulino
Paulino
6 meses atrás

O GOAT, mais uma vez, mostrou porque é GRANDE também fora das quadras. Curto e grosso, sensato, sincero. Rivais, na disputa de títulos e recordes, jamais são “amigos”. No máximo, se respeitam. Por isso, jamais foi amigo dos FEDAL. Respeitavam -se, isso sim.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
6 meses atrás

O maior atleta de todos os esportes sempre dando show nas entrevistas.

Ah, esse GOATaço!

Rockton
Rockton
6 meses atrás

É um negacionista de vacinas sim. Uma das maiores imbecilidades em um ser humano. Tentou burlar as leis da Austrália para entrar sem se vacinar e fez torneio em seu país durante a pandemia, ocasião em que vários atletas e espectadores se contaminaram. Pode ganhar 250 Grand Slans, mas essa mancha jamais será apagada. Está com uma assessoria de impressão e mídia traning pesado para tentar ter o que Nadal e Federer sempre tiveram naturalmente e Djockovid jamais terá: CARISMA.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
6 meses atrás
Responder para  Rockton

Xola mais, freguês eterno e inferior ao rei de todos os esportes.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
6 meses atrás
Responder para  Rockton

Snif, snif.

24
409
8
7
40
71
98

Amanda
Amanda
6 meses atrás
Responder para  Rockton

Parabéns. É o que sobrou para Federer e Nadal e seus fãs. Celebrar o Miss Simpatia. Djoko goat manda um abraço!

Ricardo
Ricardo
6 meses atrás
Responder para  Rockton

Isso mesmo!

Gilvan
Gilvan
6 meses atrás
Responder para  Rockton

Pior: ele fraudou um exame para tentar entrar na Austrália, que demonstraria que ele estaria imunizado por ter se contaminado meses antes. Mesmo período em que estava fazendo eventos com crianças e tirando fotos para revistas. É um canalha.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
6 meses atrás
Responder para  Gilvan

Olha só quem apareceu. Esse estava em choque desde a surra que o Alcaraz levou no USO. E seguiu apanhando até o fim do ano, rsrs.

Esse que vai ser GOAT? Ou já virou a casaca pro Sinner?

Haja lágrimas de sangue!

Gilvan
Gilvan
6 meses atrás
Responder para  Paulo Almeida

Paulinho, você não respondeu da outra vez: quanto pagarias numa raquete quebrada do sérvio?

Paulo Almeida
Paulo Almeida
6 meses atrás
Responder para  Gilvan

Nunca me fez essa pergunta. Não sei, um preço justo. : – )

Você que continua sem responder se já desistiu do “GOAT” espanhol derrotado em Roland Garros, Cincy e no Finals. “Legítimo” número 1, rsrsrsrs.

Ricardo
Ricardo
6 meses atrás
Responder para  Gilvan

Com a conivência do governo sérvio, pois o laboratório é do governo

Gilvan
Gilvan
6 meses atrás
Responder para  Ricardo

Exatamente, Ricardo. Foi uma vergonha mundial.

José Junior
José Junior
6 meses atrás
Responder para  Rockton

Negacionista é vc que se esconde atrás de um pseudônimo que talvez nem saiba o que significa.

Rockton
Rockton
6 meses atrás
Responder para  José Junior

Quem já parte para ofender os outros como você deve ter “pobrema”

Luiz Fabriciano
Luiz Fabriciano
6 meses atrás
Responder para  Rockton

Como seria uma “assessoria de impressão”?

Paulo Sérgio
Paulo Sérgio
6 meses atrás
Responder para  Rockton

Os torcedores federetes lembram Chaves quando argumentam que Djoko pode ganhar 250 majors, mas não tem carisma. Chaves sempre pedia sanduíche de presunto (seu lanche favorito) a Kiko, mas este negava sempre e aí Chaves vinha sempre com a mesma pérola: “eu nem queria mesmo”.

Alex
Alex
6 meses atrás

Esse rapaz já entrou no olimpo dos maiores atletas de todos os tempos, ao lado de Lebron, Phelps, Pelé, Brady, Bolt.
Seu nível é absurdo.
Coisa de extraterrestre, mesmo.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
6 meses atrás
Responder para  Alex

Muito maior do que todos os citados.

Nei Costa
Nei Costa
6 meses atrás

Djokovic ser o Goat é justiça divina.A sinceridade fluída de Djoko é uma qualidade quase extinta na raça humana.

Paulino
Paulino
6 meses atrás
Responder para  Nei Costa

Concordo com você.

Souza Oliveira
Souza Oliveira
6 meses atrás

Avanteee sérvio…. Nunca será e tá tudo certo kkkkk não digo mesmo️️ Paz

Paulino
Paulino
6 meses atrás
Responder para  Souza Oliveira

“Nunca será”?!!! Sempre será! Já é! kkkkkk

Souza Oliveira
Souza Oliveira
6 meses atrás
Responder para  Paulino

Nem em outra vida… Não tem como. Paz

Souza Oliveira
Souza Oliveira
6 meses atrás

Tá vendo…. Nunca será é isso….Paz

José Junior
José Junior
6 meses atrás
Responder para  Souza Oliveira

Já é o melhor. Indiscutível. Questionar os feitos de Djokovic é como “enxugar gelo”.
Que venha 2024!

Ricardo
Ricardo
6 meses atrás

Sem dúvida é um grande campeão. Mas não sabe nada sobre liberdade de decisão. O governo sérvio simplesmente encobriu sua falcatrua do laudo covid. Um dia a casa cai como caiu pra alguns

Paulo Sérgio
Paulo Sérgio
6 meses atrás
Responder para  Ricardo

Estou vendendo lenços.

Jophe
Jophe
6 meses atrás

As pessoas falam do fedal, mais eles não são amigos, amizade pra mim é diferente! Essa amizade do fedal é mais por parte do Federer do que pelo Nadal, é só vê as entrevistas do Nadal quando fala do Roger!

Astério Silva
Astério Silva
6 meses atrás

Djoko merece respeito, é um grande devolvedor, tem boa tática e fisico excelente. Ainda acho que tênis mesmo é com His Majesty Roger Federer e talvez Alcaraz chegue lá, ele tem golpes surpreendentes como RF e pode melhorar muito ainda quando pegar consistência.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
6 meses atrás
Responder para  Astério Silva

Sim, tênis de terceiro colocado na história.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE