PLACAR

Djokovic amplia vantagem sobre rivais e Alcaraz se distancia

Foto: Corinne Dubreuil/ATP Tour

Londres (Inglaterra) – A disputa pela liderança do ranking segue sob controle do sérvio Novak Djokovic, que nesta semana ampliou sua vantagem sobre os dois rivais mais próximos, Jannik Sinner e Carlos Alcaraz. Ele somou 310 pontos na disputa do Masters 1000 de Monte Carlo, enquanto o italiano somou 40 e o espanhol não disputou o torneio, mantendo a mesma pontuação.

Djokovic tem agora 1.285 pontos de frente para Sinner e 1.390 em relação a Alcaraz. O sérvio não deve ser ameaçado até Roland Garros, quando defende 2 mil pontos pela conquista do ano passado. O italiano, atual vice-líder do ranking, até pode superar ‘Nole’ antes, mas precisa de campanhas irretocáveis nos Masters 1000 de Madri e Roma, além de contar com um fraco desempenho do rival.

Depois de desistir de Monte Carlo por lesão e também repetir o mesmo nesta semana no ATP 500 de Barcelona, Alcaraz vai se distanciar da briga, já que defende o título no saibro catalão e perderá 500 pontos no próximo ranking, quando ficará 1.845 pontos atrás de Djokovic.

Enquanto o sérvio defende apenas quartas em Roma e nada em Madri, o espanhol defende o título dentro de casa e a segunda rodada no Foro Itálico. Assim como Djokovic, Sinner não tem muitos pontos a defender, uma vez que não competiu em Madri na temporada passada e não passou das oitavas de final em Roma.

22 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Federer eterno GOAT
Federer eterno GOAT
1 mês atrás

NUNCA SERÁ

Jeferson
Jeferson
1 mês atrás
Responder para  Federer eterno GOAT

Quem é vc,na fila do ?

Rodri
Rodri
1 mês atrás
Responder para  Federer eterno GOAT

SEMPRE será o terceirão (Federer) kkkkk

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  Rodri

425 semanas no mínimo contra 310 do Terceirão. Vantagem massacrante.

Vagner Paiva
Vagner Paiva
1 mês atrás
Responder para  Federer eterno GOAT

Chora mais Federete!!!!!

Última edição 1 mês atrás by Vagner Paiva
Luciano
Luciano
1 mês atrás
Responder para  Federer eterno GOAT

É o Pelé do tênis!
Ou Pelé é o Federer do futebol?

Rafael
Rafael
1 mês atrás

O sérvio mesmo questionado (cansado, velho, desmotivado) segue como líder do ranking desde setembro do ano passado. E não se iludam, ele voltará a triunfar em breve (Roma e Rolnad Garros). Vida longa ao maior da história!

Edson
Edson
1 mês atrás

Nole em primeiro, isto sem ,preparo e sem motivação e nem aí para os torneios, parece que não tem mais interesse em ficar nessa luta, pois seus números será quase impossível alguém passa-los, talvez se Nadal voltar bem djocko recupera a motivação…. Aí aguentem….

Gusmão
Gusmão
1 mês atrás

Força Djokovik para mais recordes.

Balbino Neto
Balbino Neto
1 mês atrás

Djokovic é aquele tenista que sabe porque perde um jogo… a mesma coisa quando ganha. Sabe porque perdeu para Ruud mas Ruud não sabe como ou porquê venceu. O sérvio além de gênio insuperável dentro de uma quadra, também é indecifrável por seus adversários e deixa todos os comentaristas e narradores do mundo do tênis de bobeira por não o entenderem, principalmente os ex tenistas. São pouquíssimos que o lêem e que possuem gestos e palavras a altura do maior insuperável tenista da história. Grande Novak Djokovic.

Matheus
Matheus
1 mês atrás
Responder para  Balbino Neto

Quem é o menor insuperável?

Bruno Aleixo de moraes
Bruno Aleixo de moraes
1 mês atrás

Djokovic nunca foi e nunca será o maior de todos, ele não passa nem perto de federer, Nadal e Guga, os três melhores da história. Isso é fato, não sou eu que estou dando minha opinião. Um cara que só fica devolvendo bolas rezando pro cara errar, e vai pros bastidores esfriar as coisas quando a maré está ruim pra ele, me desculpe, Pablo carreno busta quase pirou quando estava ganhando do djoko, e ele ficou meia hora escondido pra esfriar o jogo, finge contusões, reclamava de tudo quebrando a raquete, só começou a vencer o Nadal e o Federer quando eles tiveram uma série de contusões, enfim, é um histórico bem ruim pra um cara que pratica o anti-tenis, sinto muito quem não entende dessa forma, é um bom tenista, com técnica média, mas não coloco o djoko nem entre os dez maiores da história. Sem contar a sorte que ele teve ao enfrentar adversários bem fracos em muitas finais.Mas respeito a opinião de todos. O tenis é o segundo melhor esporte do mundo, seguido do futebol.

Carlos Almeida
Carlos Almeida
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

Absolutamente equivocado.
E recheado de informações incorretas…
Apenas para mencionar, o tênis sequer é o 3o esporte mais visto do mundo.
Fico impressionado como escrevem tanto sem sequer fazer uma pesquisa básica…

Emerson
Emerson
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

Só falou baboseira!! Se vc não gosta dele é problema seu! Djokovic número 1!! Por um bom tempo!

José Marcelo
José Marcelo
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

Tá de bricadeira, só pode

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

24
425
8
7
40
71

Abs.

Anderson ayres
Anderson ayres
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

Ahaha chora mais chorão argumento fraco o.seu aceita q Djokovic eh goat chorão.mais kkk

Leandro Augusto
Leandro Augusto
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

Vc é um comédia amigo kkkkkkk

Samuel
Samuel
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

Muitas coisas ditas fazem sentido, porém dizer que ele não é o melhor da história fica difícil amigo! H2h melhor sobre Federer e Nadal, mais títulos de slam e mais masters que ambos. Mais de 400 semanas como número 1. Se fizer campanhas razoáveis no restante do saibro e defender a final de Wimbledon passa das 430 semanas ele já tem mais que o dobro de Nadal. Então assim: aceita que dói menos! Federer pode ser o mais famoso e carismático do tênis, Nadal o melhor do saibro, mas Novak é o melhor do conjunto da obra! Simples.. torci muito pelo Federer classe e jogo maravilhoso, mas agora quem entende do tênis não tem como não torcer pelo Novak mais de 36 anos e competitivo com esses meninos alcatraz e Sinner.

Carlos
Carlos
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

Respeitando outras opiniões, mas contrariar os números é bobagem. Posso gostar ou preferir quem quer que seja, mas os números são inquestionáveis. Wimbledon 2019 que o diga!

Wesley
Wesley
1 mês atrás
Responder para  Bruno Aleixo de moraes

“O tênis é o segundo melhor esporte do mundo, seguido do futebol” . Acho que você deveria ficar no futebol mesmo, talvez lá entenda alguma coisa.

Milton
Milton
1 mês atrás

Sem Sanches, Djokovic é o melhor de todos os tempos, e dificilmente alguém quebrará seus recordes.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE