PLACAR

Djokovic aceita convite e jogará em Genebra antes de RG

Foto: Corinne Dubreuil/ATP Tour

Genebra (Suíça) – Os rumores sobre a participação de Novak Djokovic no ATP 250 de Genebra na próxima semana se confirmaram. Nesta sexta-feira, o jornal francês L’Équipe informou que o sérvio aceitou o convite dos organizadores e jogará o torneio para adquirir ritmo antes da disputa de Roland Garros, que começa já no dia seguinte à final do evento suíço. Está será a primeira vez na carreira que Nole participará da competição.

A intenção do atual número 1 do mundo de jogar em Genebra já havia sido antecipada pelo jornal suíço Tribune de Genèv, reforçando a tese de que o sérvio gostaria de chegar melhor preparado em Paris depois de disputar apenas seis partidas na atual temporada de saibro, com quatro vitórias e duas derrotas. Ele fez semifinal em Monte Carlo e não passou da terceira rodada em Roma. No ano, Djokovic só participou de cinco torneios e ainda não sabe o que é chegar em uma final, parando na semi também no Australian Open.

Com a confirmação da presença de Djoko, o torneio de Genebra ganha mais um nome de peso para a lista de inscritos, que já conta com tenistas do gabarito de Casper Ruud (bicampeão do evento), Taylor Fritz, Ben Shelton, Andy Murray, Kei Nishikori e Sebastian Baez.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Sérvio tenta repetir fórmula que já deu certo

Apesar de raro, esta não será a primeira vez que Novak Djokovic disputará um torneio às vésperas de um Grand Slam, ou seja, na semana anterior ao início de um Major. Ao longo de sua carreira, ele fez isso em outras três ocasiões, das quais em apenas uma acabou faturando ambos os títulos em questão. A única vez em que a fórmula deu certo foi em 2021, quando o sérvio foi campeão do ATP 250 de Belgrado, em sua cidade natal, e logo depois alcançou o bicampeonato de Roland Garros.

Já no longínquo ano de 2006, aos 19 anos de idade, Nole fez oitavas no ATP 250 de ‘s-Hertogenbosch uma semana antes de Wimbledon, onde foi eliminado na mesma fase. Mais de uma década depois, em 2017, ele ergueu o troféu do ATP 250 de Eastbourne, mas em seguida não passou das quartas de final no All England Club, desistindo no segundo set da partida contra Tomas Berdych com dores no cotovelo direito. O problema o afastou do circuito por seis meses e ele só voltaria a jogar no Australian Open do ano seguinte.

Boa campanha em Genebra pode ajudar no ranking

A ida de Djokovic a Genebra também pode ter impacto direto na briga pelo número 1. Isso porque o sérvio terá de defender o título de Roland Garros e pode perder a liderança do ranking até mesmo se Jannik Sinner não jogar o Grand Slam francês. Para isso acontecer, bastaria que Nole não chegasse à decisão em Paris.

No entanto, ao disputar um ATP 250 na semana anterior, o atual melhor do mundo pode somar pontos preciosos e mudar um pouco esse cenário, desde que Sinner realmente não vá ao saibro parisiense. Se alcançar pelo menos a semifinal em Genebra, Djokovic já poderia defender sua posição no topo se também for à penúltima fase em Roland Garros. Mesmo chegando à final ou sendo campeão na Suíça, precisaria fazer semi na França de qualquer forma.

36 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo Sérgio
Paulo Sérgio
1 mês atrás

Goat and boat.

Gusmão
Gusmão
1 mês atrás

Força Djokovik.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás

GSOAT = Greatest Sportsman Of All Time

Osvaldo
Osvaldo
1 mês atrás
Responder para  Paulo Almeida

como pode alguém que se diz “goat” ficar mendigando por convite em atp 250 ? kkkkk me poupe…

Federer eterno GOAT
Federer eterno GOAT
1 mês atrás
Responder para  Osvaldo

verdade, o iugoslavo só merece o título de “GBOAT”
( greatest beggar of all time )

Gilvan
Gilvan
1 mês atrás
Responder para  Osvaldo

Importante questionamento. Djocovid, o mendigo dos Balcãs.

Rafael Lucena
Rafael Lucena
1 mês atrás
Responder para  Osvaldo

Ué, Federer tem uns 90 títulos desses minúsculos, passou a vida disputando na várzea pra fazer número. Nadal esse ano entrou em ATP 250 com ranking protegido pra apanhar pro Thompson. Djokovic, o carrasco desses dois, tá jogando um ATP 250 pra treinar depois de uns 3 anos pq ele é soberano no tênis, ninguém mais chega, os aposentados não tem mais chance.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  Rafael Lucena

Big Titles: 71 >>>> 59 > 54.

Rodri
Rodri
1 mês atrás
Responder para  Osvaldo

Kkkkkk interpretação 0 hein…ele recebeu convite. Não foi ele quem pediu. Mas sua Dor é tão grande que usa de fake pra querer desmerecer o sérvio

José Nilton Dalcim
Admin
1 mês atrás
Responder para  Rodri

Desculpe, mas é evidente que ele pediu o convite.

Casagrande
Casagrande
1 mês atrás
Responder para  Paulo Almeida

GSOATBF

Rockton
Rockton
1 mês atrás
Responder para  Paulo Almeida

GVDOAT = Greatest Vaccine Denie Off All Time.
Kkk

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  Rockton

Inglês bem ruinzinho, hein?

Rafaela Nadalina
Rafaela Nadalina
1 mês atrás

“Aceita” convite ou “recebe” pq foi atrás de pedir um? Heheh

Osvaldo
Osvaldo
1 mês atrás
Responder para  Rafaela Nadalina

kkk verdade, esse aí tá caindo pelas tabelas, virou o mendigo do tênis

Joselito
Joselito
1 mês atrás
Responder para  Rafaela Nadalina

Aceita e ainda ganha uma bolada de dinheiro. Só nós que temos que pagar para ir nos lugares.

Joselito
Joselito
1 mês atrás
Responder para  Rafaela Nadalina

Ainda mais porque tinha outro ATP 250 no saibro na França.

Joselito
Joselito
1 mês atrás
Responder para  Rafaela Nadalina

“Estamos em contato com todos os jogadores do Top 50, mas não podemos fazer mais comentários nesta fase (das negociações)”, comentou o diretor do torneio, Thierry Grin, que também rebateu as informações de que estaria oferecendo altos valores para contar com Djokovic: “Esta é uma informação confidencial, mas saiba que neste tipo de caso o aspecto financeiro não é uma prioridade para os jogadores. Eles não vêm pelo dinheiro, mas pela vontade de jogar”, seguiu.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  Joselito

Na cara não pra não estragar o velório.

Osvaldo
Osvaldo
1 mês atrás

kkk tá desesperado com a iminente queda no ranking… que é inevitável… Sinner ri…

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  Osvaldo

Sinner tá avariado e nem vai pra RG. Tá rindo da própria desgraça por acaso?

Abel S
Abel S
1 mês atrás

Vai jogar na Terra do verdadeiro GOAT.

Boa torneio, Djokovic.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  Abel S

GOAT sem números relevantes e freguês dos rivais?

CRAS
CRAS
1 mês atrás
Responder para  Paulo Almeida

Fregues do rivais? Sem numeros relevantes? Vejo que vc realmente nao gosta do Djoko, e ate ai, sem problemas Paulo, mas nao enxergar o que ta explicito em tudo que é lugar possivel de pegar informação, ai eu acho que vc pecou muito em seu comentario

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  CRAS

Rapaz, o Abel S claramente se referiu ao Federer e eu o contestei, entendeu?

Rafael Lucena
Rafael Lucena
1 mês atrás
Responder para  CRAS

Entendeu tudo errado o que o Paulo falou. Ele estava falando do Federer. O primeiro comentário era sobre jogar na terra (Suíça) do verdadeiro (sqn) goat. Jogará na terra do eterno 3ª força do tênis.

Thiago Pereira
Thiago Pereira
1 mês atrás

Acho uma boa. Vem jogando pouco e sem muita confiança no seu jogo. Acho até que ele deveria ter jogado Madrid, mesmo ele sendo um saibro bem atípico comparado aos outros. Um título já seria o suficiente para poder mudar esse ano, que até o momento vem sendo bem ruím pra ele. Tomara que consiga voltar a jogar em alto nível em RG.

Gilvan
Gilvan
1 mês atrás

Eita, que faaaaaaase!

CRAS
CRAS
1 mês atrás

Discussão sem sentido essa de quem é o GOAT. Se olharem para os feitos do Djoko no Tenis, sem paixoes, realmente so para os feitos verão que só ele conseguiu disputar 15 Masters 1000 seguidos (a contar do Master 1000 de Paris 2014 inclusive ganhar 11 e ser vice de outros 3). Nem to levando em consideração os GS que conquistou nesse periodo (os 4 em sequencia entre 2015 e 2016). O dia que eu ver um outro tenista chegar perto desse feito, posso mudar de opinião, até la, Djoko o maior da história. Morram de inveja viuvas do Federer que o Djoko aposentou la em 2011

Vera
Vera
1 mês atrás

Parece que há um equívoco, na informação da reportagem, quando falam que Djokoic somente uma vez ganhou torneio antes de GS. Djokovic tambem ganhou ano passadoo torneio de Adelaide logo antes do,AO.

Vera
Vera
1 mês atrás
Responder para  Matheus Dalcim

Valeu Dalcin, achei que foi uma semana antes, por isso coloquei a palavra “parece!” e aguardava mesmo alguma correção caso estivesse equivocada. obrigada!

Última edição 1 mês atrás by Vera
Junior
Junior
1 mês atrás
Responder para  Vera

Reportagem fala de jogar na semana anterior ao GS

Rockton
Rockton
1 mês atrás

Se tomasse vacina iria melhorar “o nível”. Kkkk

CRAS
CRAS
1 mês atrás
Responder para  Rockton

Acho que aqui estamos debatendo o assunto Tenis, o esporte. Vacinas em geral acho que sao debatidas em outro tipo de midia, tipo revista Saude, e por ai vai..

CRAS
CRAS
1 mês atrás
Responder para  Rockton

Agora…. Se houver vacina para desinformação seria legal vc tomar uns 4 doses. De jan/21 (mais ou menos qdo coneçaram a aplicar as vacinas contra Covid) pra ca, houve 13 Grand Slams (ND disputou 11). O Djoko conquistou 7, Nadal 2, Alcaraz 2, Medvedev e Sinner 1. Realmente, vc tem razao, que pena que ele nao tomou a vacina. Foi muito mal, poderia ter conquistado 11 e “só” conquistou 7.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE