PLACAR

Derrota custa número 2 a Sabalenka e série de semifinais

Foto: Corinne Dubreuil / FFT

Paris (França) – Uma das jogadoras mais consistentes dos últimos anos no circuito feminino, a bielorrussa Aryna Sabalenka viu ruir sua sequência de semifinais de Grand Slam com a queda para a jovem russa Mirra Andreeva nesta quarta-feira em Roland Garros. Ela também perderá a vice-liderança do ranking, sendo ultrapassada pela norte-americana Coco Gauff.

Semifinalista no ano passado no saibro parisiense, derrotada pela tcheca Karolina Muchova, com a derrota nas quartas de final em 2024, Sabalenka terá um déficit de 350 pontos no ranking da próxima segunda-feira. O oposto acontece com a rival norte-americana, que parou nas quartas em 2023 e agora está nas semifinais, somando por enquanto 350 pontos na WTA.

Esta diferença de 700 pontos será mais do que suficiente para fazer Gauff ultrapassar a bielorrussa, abrindo 200 pontos de frente para Sabalenka, podendo ampliar ainda mais a diferença se for finalista ou campeã. Será a primeira vez que a norte-americana de 20 anos vai alcançar a vice-liderança do ranking.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Além de perder o posto de número 2 do mundo, Sabalenka também deixou pelo caminho a grande sequência de semifinais. Ela havia chegado pelo menos nesta fase nos últimos seis Grand Slam que disputou. A última vez que a bielorrussa caiu antes da penúltima rodada foi justamente em Roland Garros, dois anos atrás, superada pela italiana Camila Giorgi, também de virada.

Tenista não participou da coletiva de imprensa

Ainda nesta quarta-feira, a WTA informou que Sabalenka foi dispensada da coletiva de imprensa após a partida contra Andreva, onde teria a oportunidade de falar sobre seu desempenho em quadra. O motivo da ausência foi o mal-estar sofrido pela tenista em quadra. Em dois momentos da partida, ela recebeu a equipe médica do torneio e tomou compromidos para dor.

“Aryna Sabalenka não poderá comparecer à coletiva de imprensa pós-jogo esta noite por motivo de doença e está com a equipe médica do torneio”, diz o comunicado oficial. “A equipe de comunicação da WTA fornecerá declarações de Aryna, que serão transcritas e enviadas para a mídia”.

15 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Rodolfo Romano
Rodolfo Romano
7 dias atrás

Fico triste Todos não poderão ver a graciosa Aryna Bárbara Sabalenka disputar na Arena de Roland Garros
mais uma batalha , só do jeito dela
podemos .chamar assim, pela conquista desse torneio.

Arthur Teixeira
Arthur Teixeira
7 dias atrás

Acompanho os tenistas tanto da ATP, quanto do WTA e nos últimos anos Aryna Sabalenka esteve sempre disputando lá em cima, não esquecendo que a polonesa Iga Swiatek está há dois anos como a número e promete permanecer nessa posição por muito mais tempo.

Luis Ricardo
Luis Ricardo
7 dias atrás

a “gritolenka” dançou , bem feito, a gritaria dela é irritante. Ela e a “apitolenka” são chatas demais

João Sawao ando
João Sawao ando
7 dias atrás
Responder para  Luis Ricardo

Concordo

Ernanes
Ernanes
7 dias atrás

Desde o início de janeiro, comecei a acompanhar o tênis com grande entusiasmo. Tenho apreciado tanto as competições femininas quanto as masculinas. Recentemente, pensei que Aryna Sabalenka avançaria para a final, considerando seu desempenho notável. No entanto, confesso que achei seus gritos em quadra um tanto perturbadores. Seria mais agradável se ela moderasse um pouco essa expressão. Agora, sinto-me aliviado por poder assistir às partidas tranquilamente, sem a preocupação com aqueles gritos que me incomodavam.

JBG
JBG
6 dias atrás
Responder para  Ernanes

Concordo. Também sou recente no tênis que passei há entender e admirar muito. Você tinha que conhecer Maria Sharapova, linda e furiosa na gritaria. Tirando isso delas jogam muito, admito.

Vanda Xavier
Vanda Xavier
6 dias atrás
Responder para  Ernanes

É uma xarope. Irritante demais assistir seus jogos. Pra que aquele grito????

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  Vanda Xavier

fico me perguntando se esses gritos irritantes , fazem parte da formação dos tenistas desses lados porque a Azarenka (pra mim ,apitolenka) e antigamente a sharapova tem a mesma formação , Trio de M chatas demais.

Márcio Weigan
Márcio Weigan
7 dias atrás

A semifinal perderá em talento e em carisma com as ausências de Ons Jabeur e de Aryna.
Claro que ambas deveriam estar mais equilibradas em quadra para vencer seus jogos.

Roziel Moreira
Roziel Moreira
6 dias atrás

O torneio de tênis feminino está em nível baixíssimo! As tenistas são muitas fracas! Com a eliminação da Sabalenka,ficou ainda mais fácil pra Swiatek vencer o torneio. O nível da Swiatek pras outras tenistas é astronômico! Tava angustiante ve a Sabalenka jogar sentindo dores ontem! Ela foi pro sacrifício, mas infelizmente,não foi o suficiente!

Edivan Alves
Edivan Alves
6 dias atrás

Gostei que Sabalenka perdeu, no torneio passado ela ganhou e não cumprimentou a croata,mostrando que apoia os horrores da guerra de putin

Antônio
Antônio
6 dias atrás
Responder para  Edivan Alves

Edivan, estás invertendo, quem não cumprimenta as russas e a bielorussa são as croatas e a insuportável Ostapenko. Aryna é a mais simpática do circuito.

Patricia Peruchin
6 dias atrás
Responder para  Edivan Alves

A Ucrânia está sendo atacada pela Rússia.
A Bielorrússia é aliada da Rússia.
As bielorrussas ( Sabalenka, Azarenka …) , as russas e as ucranianas ( Svitolina, Kostyuk , Kalinina ) não se cumprimentam.

Patricia Peruchin
6 dias atrás
Responder para  Edivan Alves

Bielorrússia e Rússia são aliadas contra a Ucrânia, não se cumprimentam após a partida .

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  Edivan Alves

“ela” indireta e sutilmente ,já se manifestou a favor , ao contrario do chato do Medvedev que já se declarou contra essa guerra , mesmo sendo russo.,

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE