PLACAR

Billie Jean King dá nome a prêmio para reportagens sobre esportes femininos

Nova York (EUA) –  Os editores de esportes da Associated Press, a Fundação APSE e Billie Jean King anunciaram nesta quinta-feira a criação do Prêmio Billie Jean King de Excelência em Cobertura Esportiva Feminina. O prémio anual será atribuído no âmbito de um concurso administrado pela APSE e pela Fundação APSE e reconhecerá a excelência na reportagem e na redação sobre esportes femininos, informou o jornal USA Today.

“Billie Jean King tem sido uma defensora da igualdade de gênero nos esportes há mais de 60 anos, e a criação de um prémio de prestígio em seu nome para a cobertura de esportes femininos, eleva o grande o trabalho que está sendo feito e incentiva essa cobertura de uma forma que seja proporcional à popularidade e ao crescimento dos esportes femininos”, disse a presidente da APSE, Naila-Jean Meyers, em um comunicado. “É hora de escritores que contam histórias de atletas femininas de maneira consistente e habilidosa terem seu próprio prêmio.”

O prémio é lançado num momento de investimento sem precedentes no esporte feminino e crescimento da audiência televisiva. O futebol profissional, a NWSL, cresceu para 15 times. A WNBA se expandiu para 13 equipes. No nível universitário, a NCAA e a ESPN fecharam um novo acordo de transmissão em janeiro.

Com o draft da WNBA e os Jogos Olímpicos em Paris, a cobertura dos esportes femininos promete ser robusta. O concurso da APSE está aberto a todos os meios de comunicação e indivíduos envolvidos na redação esportiva, incluindo boletins informativos e mídia universitária. O prazo de inscrição é 31 de março. Mais detalhes podem ser encontrados no site da APSE.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE