PLACAR

Berrettini vence jogo de ATP após 8 meses, Wawrinka avança

Foto: ATP Tour

Marrakech (Marrocos) – Depois de quase oito longos meses de jejum, o italiano Matteo Berrettini enfim voltou a vencer uma partida na elite do circuito. Nesta terça-feira, o ex-número 6 do mundo e atual 135º do ranking estreou com vitória no ATP 250 de Marrakech, ao bater o cazaque Alexander Shevchenko, 56º colocado e sexto cabeça de chave do torneio, por 6/2 e 6/1 em 1h14 de partida.

Acometido por lesões na última temporada, Berrettini ficou sete meses sem jogar e disputou seu primeiro torneio nesta temporada apenas em março, chegando à final do challenger de Phoenix. Logo depois, foi a Miami, mas caiu de virara para o britânico Andy Murray na primeira rodada do segundo Masters 1000 do calendário.

Seu último triunfo em nível ATP havia sido na abertura do US Open, em agosto do ano passado, contra o francês Ugo Humbert. No jogo seguinte, contra o também francês Arthur Rinderknech, o italiano sofreu uma grave torção no tornozelo que o tirou de combate pelo restante do ano. O vice-campeão de Wimbledon em 2021 planejava voltar às quadras em janeiro, mas um novo problema no pé retardou por mais dois meses seu retorno.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Agora recuperado, Berrettini enfrenta na segunda rodada o espanhol Jaume Munar, que na estreia passou pelo francês Luca van Assche por 7/6 (7-3) e 6/2. Os dois nunca se enfrentaram no circuito, mas Munar já fez quartas em Marrakech, enquanto Berrettini não passou da estreia em sua única participação há seis anos.

Wawrinka, Fognini e Goffin estreiam com vitória
Quem também começou bem sua campanha no saibro marroquino foi o suíço Stan Wawrinka, campeão em 2010, quando o torneio ainda era disputado em Casablanca. Em duelo de veteranos contra o espanhol Albert Ramos, o ex-número 3 do mundo e atual 82º do ranking levou a melhor em dois sets, anotando as parciais de 6/1 e 6/4 em 1h15. O próximo desafio de Wawrinka será um duelo inédito contra o argentino Mariano Navone, atual vice-campeão do Rio Open e sétimo cabeça de chave, que derrotou na estreia o convidado tunisiano Aziz Dougaz por 6/3 e 6/2.

Vindo do quali, o italiano Fabio Fognini foi mais um grande nome a avançar à segunda fase da competição. Em jogo bastante disputado, ele precisou de 2h34 para vencer de virada o francês Hugo Gaston, com placar final de 6/7 (4-7), 6/1 e 6/4. Agora, o jogador de 36 anos e número 100 do mundo terá pela frente o principal favorito ao título em Marrakech, o sérvio Laslo Djere, 34º colocado no ATP e que pegou bye na rodada inicial.

Assim como Fognini, o belga David Goffin também anotou sua terceira vitória na semana, depois de ter disputado o qualificatório. Na estreia da chave principal, o ex-top 7 (hoje na 102ª posição) bateu o francês Arthur Rinderknech com um duplo 6/4, garantindo-se na segunda fase do torneio para enfrentar o norte-americano Nicolas Moreno De Alboran, outro jogador que veio da fase prévia e que surpreendeu o argentino Facundo Diaz Acosta, quinto pré-inscrito do torneio, triunfando por 6/4, 3/6 e 6/3.

Outros resultados do dia
Oitavo cabeça de chave, o italiano Flavio Cobolli não teve problemas para bater o convidado jordaniano Abdullah Shelbayh por 6/1 e 6/4. Ele encara na segunda fase o russo Pavel Kotov, que derrubou ainda na segunda-feira o anfitrião Elliot Benchetrit com as parciais de 7/5 e 6/3.

Por sua vez, o indiano Sumit Nagal passou pelo francês Corentin Moutet com uma virada por 4/6, 6/3 e 6/2 e desafiará o cabeça 4 italiano Lorenzo Sonego. Já o australiano Aleksandar Vukic bateu o também francês Alexandre Muller por 6/3 e 7/6 (7-5) e enfrentará o segundo principal candidato ao título, o austríaco Sebastian Ofner.

Completando a rodada do dia, o espanhol Roberto Carballes Baena, atual campeão do torneio, iniciou a defesa do título contando com a desistência do quali italiano Matteo Gigante quando vencia por 6/2 e 2/0. Baena agora medirá forças com o britânico Daniel Evans, terceiro pré-classificado.

 

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da decisão em Monte Carlo

Medvedev em outro ataque de fúria e desconta na raquete

PUBLICIDADE