PLACAR

Berrettini faz primeira final desde 2022 e pega atual campeão

Foto: Grand Prix Hassan II

Marrakech (Marrocos) – Depois de passar por momentos difíceis em 2023, com uma série de problemas físicos, o italiano Matteo Berrettini parece ter reencontrado o seu campinho. Neste sábado, ele derrotou o argentino Mariano Navone de virada na semifinal do ATP 250 de Marrakech, com parciais de 6/7 (4-7), 6/3 e 6/2, depois de 2h42 de jogo, e vai disputar sua primeira final desde 2022.

A última vez que ele alcançou uma decisão foi em outubro de 2022, quando ficou com o vice-campeonato em Nápoles, superado pelo também italiano Lorenzo Musetti. Ex-número 6 do mundo, Berrettini ocupa atualmente a modesta 127ª colocação, mas voltará ao top 100 com a campanha, subindo provisoriamente para o 95º lugar.

“Foram quase três horas de jogo, então estou muito cansado, mas estou muito feliz. Acho que foi definitivamente o jogo mais difícil da semana. Parabéns a ele, ele fez uma partida muito sólida. As condições mudaram muito. A torcida me ajudou muito. O apoio foi inacreditável. Estou um pouco cansado, mas muito animado para a final de amanhã.”, disse Berrettini na entrevista na quadra.

O adversário de Berrettini na final no saibro marroquino será o atual campeão do torneio o espanhol Roberto Carballes, que na primeira semifinal do dia não teve grande trabalho para superar Pavel Kotov, derrubando o russo em sets diretos, com o placar final de 6/4 e 6/2, anotado em 1h39 de confronto. O italiano leva a melhor no histórico contra seu próximo rival, com duas vitórias em três jogos.

“Nem me lembro da última vez que fiz uma final de ATP. Trabalhei muito para estar aqui de novo, para ter saúde, para aproveitar o que estou fazendo. Estou muito grato por tudo o que está acontecendo”, comemorou o italiano, que teve ótimo desempenho com o saque na semi, venceu 71% dos pontos disputados, foi quebrado só uma vez e bateu o saque do adversário em cinco oportunidades.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
1 mês atrás

Berrettini fará sua 13° final da carreira, e irá em busca de seu 8° título, o 4° no saibro. Carballes Baena fará sua 3° final e tenta o 3° título, todos no saibro. Berrettini lidera os confrontos entre eles em 2×1, mas será o primeiro encontro no saibro. Vou torcer para o Berrettini

Refaelov
Refaelov
1 mês atrás

Tava torcendo pelo Navone(sempre torço pelos Sudacas contra tenistas de outros lugares) mas, legal demais essa recuperação do Berretini, é um cara q voltando bem fatalmente vai brigar pelo top 10 e ser mais um contender nos GS(sobretudo em Wimblendon)..

Fabio
Fabio
1 mês atrás

Olha o Berreta aí !

Marcos Ribeiro
Marcos Ribeiro
1 mês atrás

Berretini disse e repetiu que terminou a partida muito cansado. Amanhã, tem outra pedreira pela frente. Pelo grande cansaço e pelo histórico de muitas lesões, fará muito bem se tiver bastante cuidado em dosar o esforço amanhã.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE