PLACAR

Afastada, Muguruza fica sem ranking após 16 anos

São Petersburgo (Flórida, EUA) – Pela primeira vez desde 2008, a espanhola Garbiñe Muguruza não aparece no ranking da WTA. Afastada do circuito desde o início da temporada passada, a jogadora de 30 anos completou no último dia 30 de janeiro um ano da sua última partida, uma derrota na estreia do torneio de Lyon para a tcheca Linda Noskova em sets diretos.

Desde então, a ex-número 1 do mundo se mantém afastada das competições e segue sem planos de retornar às quadras. Em outubro, ela afirmou que atualmente o tênis profissional não tem lugar em sua rotina e segue levando uma vida mais tranquila, curtindo a família e praticando outras atividades físicas, como a Zumba, que mistura movimentos aeróbicos com ritmos e coreografias latinas.

Muguruza figurou durante 15 anos ininterruptos no ranking da WTA, tendo alcançado a liderança em setembro de 2017, ano em que terminou a temporada no segundo lugar, abaixo da romena Simona Halep. Ao todo, a espanhola soma quatro semanas no topo da lista feminina de simples, tendo o segundo reinado mais curto desde que o ranking foi implementado, em 1975. Atrás dela aparece apenas a australiana Evonne Goolagong, com duas semanas na ponta.

Entre as conquistas, ela possui 10 títulos na elite do circuito feminino, sendo dois Grand Slam, em Roland Garros 2016 e Wimbledon 2017, e um WTA Finals, em 2021. Ela também foi finalista do Australian Open de 2020, caindo de virada para a norte-americana Sofia Kenin, e nunca passou das oitavas de final no US Open.

5 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Casé
Casé
27 dias atrás

Uma pena, faz falta ao circuito. Mas está feliz, então é o que mais importa

João Sawao ando
João Sawao ando
27 dias atrás

Ela já aposentou

Ivan
Ivan
26 dias atrás

Já ganhou 24 milhões de dolares na carreira, acho que tá razoável

Leonardo
Leonardo
26 dias atrás
Responder para  Ivan

Sim, mas muitos desses atletas continuma gastando como se ainda tivessem na ativa, e quando começam a ver essa fortuna desaparecer querem voltar de forma desesperada. Ja vimos esse filme muitas vezes. Outras vezes sentem falta da adrenalina, como parece ter sido o exemplo quando Kim Clisters voltou. Espero que não se arrependa dessa decisão de aposentar cedo, e tente voltar fora de forma e de forma horrivel como muitas outras.

Osvaldo
Osvaldo
26 dias atrás

linda mulher, vai fazer falta no circuito

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE