PLACAR

Wild e Monteiro disputam novo challenger italiano

Foto: Challenger Citta' di Como

Gênova (Itália) – Os dois brasileiros mais bem colocados no ranking da ATP seguem na Itália para a disputa de mais um challenger no saibro na próxima semana, desta vez em Gênova. Thiago Wild tenta manter o embalo depois de ter conquistado o título em Como, enquanto Thiago Monteiro busca a recuperação no palco em que foi campeão no ano passado.

Atual 106º do mundo aos 23 anos e vindo de cinco vitórias seguidas, Wild é o terceiro cabeça de chave e estreia contra o italiano Riccardo Bonadio. Se vencer, o paranaense pode enfrentar o convidado local Enrico Dalla Valle ou um tenista vindo do quali. No mesmo quadrante está o francês Benoit Paire, que estreia contra o argentino Marco Trungelliti.

Já Thiago Monteiro, 118º do ranking, tem a missão de defender 125 pontos, que serão descontados no dia 25 de setembro. O cearense de 29 anos é o cabeça 5 e estreia contra o italiano Stefano Travaglia. Se vencer, encara o também anfitrião Francesco Maestrelli ou um jogador do quali. No mesmo quadrante está o principal favorito, o russo Alexander Shevchenko, 83º do mundo.

Monteiro e Wild jogam juntos nas duplas. Os brasileiros estreiam contra o italiano Giovanni Fonio e o romeno Alexandru Jecan. Em caso de vitória, eles podem enfrentar o italiano Franco Agamenone e o argentino Marco Trungelliti ou os norte-americanos Evan King e Reese Stalder, cabeças 2.

Romboli e Gutierrez tentam o quali em Sevilla
Também no saibro europeu, outros dois brasileiros tentam o quali para o challenger de Sevila. Fernando Romboli estreia contra o espanhol Mario Gonzalez Fernandez. Se vencer, enfrenta o francês Valentin Royer, cabeça 1 do quali. Já Oscar Jose Gutierrez enfrenta o norte-americano Alex Lawson. E em caso de vitória, pode jogar contra o português Gastão Elias ou o espanhol Iñigo Cervantes. As duas rodadas do quali serão disputadas na segunda-feira.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE