PLACAR

Tsitsipas reencontra Berrettini na estreia do AO

Melbourne (Austrália) – O sorteio da chave masculina do Australian Open na noite da última quarta-feira garantiu ótimos jogos já na primeira rodada do torneio. O destaque fica com o reencontro entre o atual vice-campeão Stefanos Tsitsipas e o semifinalista de 2022 Matteo Berrettini, que já se enfrentaram duas vezes em Melbourne, com vitórias do grego na estreia de 2019 e nas oitavas de final em 2021.

Tsitsipas leva ampla vantagem também no retrospecto geral, com quatro triunfos em quatro partidas. Já Berrettini, que ocupa atualmente a 125ª posição do ranking, terá mais um início duro no Aberto da Austrália. Isso porque em 2023 ele enfrentou logo na estreia o britânico Andy Murray, que superou o italiano em uma batalha épica de cinco sets e 4h49 de duração.

Por falar em Murray, ele terá um confronto bem interessante com o argentino Tomas Etcheverry, cabeça de chave número 30. Os dois se encontraram duas vezes no ano passado, com uma vitória para cada lado.

Outro vice-campeão em Melbourne, o austríaco Dominic Thiem duelará pela segunda vez na carreira contra o canadense Félix Auger-Aliassime, 27º pré-inscrito. Thiem levou a melhor em sets diretos nas oitavas de final do US Open de 2020, na campanha que culminou no seu único título de Grand Slam da carreira.

Já Stan Wawrinka é mais um campeão de Slam que terá pela frente um cabeça de chave. O vencedor do Australian Open de 2014 encara o francês Adrian Mannarino, 20º pré-classificado, para quem o suíço perdeu os dois duelos anteriores.

Depois de empilhar três vitórias consecutivas contra jogadores do top 10 na United Cup, o australiano Alex de Minaur enfrentará um ex-número 3 do mundo na estreia. Trata-se do canadense Milos Raonic, semifinalista em 2016 e que chegou outras quatro vezes às quartas de final em Melbourne. De Minaur venceu o único confronto anterior, em Brisbane 2018.

Outros jogos para ficar de olho são entre Roberto Bautista e o cabeça 16 Ben Shelton, que nunca se enfrentaram, e o 17º favorito Frances Tiafoe contra Borna Coric. O croata levou a melhor na semifinal da Copa Davis de 2018, em Zadar.

Leia mais:

De volta, bicampeã Osaka tem estreia dura contra Garcia

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Wimbledon seleciona os melhores backhands de 1 mão

Os históricos duelos entre Serena e Venus em Wimbledon

PUBLICIDADE