PLACAR

Tsitsipas derruba Khachanov e faz 3ª semi seguida

Foto: Rolex Paris Masters

Paris (França) – Na reta final da temporada, o grego Stefanos Tsitsipas reagiu depois de um período de baixa e vai disputar sua terceira semifinal seguida. Após parar na penúltima rodada na Antuérpia e em Viena, agora ele chega a esta fase no Masters 1000 de Paris, batendo nesta sexta-feira o russo Karen Khachanov em sets diretos, com parciais de 6/3 e 6/4, em 1h20 de confronto. Esta foi sua 300ª vitória no circuito.

Cabeça de chave número 7 na competição, o grego terá agora pela frente no Palácio de Bercy o búgaro Grigor Dimitrov, que mais cedo abriu a rodada batendo o polonês Hubert Hurkacz por 2 sets a 1. Será o oitavo duelo entre eles e Tsitsipas tem ampla vantagem no retrospecto, com seis vitórias e apenas uma derrota, que aconteceu em 2020 e desde então ele venceu seis cinco seguidas.

Tsitsipas aproveita a campanha até então na capital francesa para tentar se aproximar de Andrey Rublev na disputa pelo top 5. O russo, porém, enfrentou mais tarde o australiano Alex de Minaur para igualar a campanha do grego e manter a diferença intacta entre os dois.

Do outro lado, Khachanov ainda sonhava com a classificação para o ATP Finals, mas com a eliminação nas quartas de final deu adeus a qualquer chance sobressalente. Ele precisava do título em Paris para seguir na disputa e depois buscar, na semana seguinte, outra conquista em um dos ATP 250 que serão disputados antes de Turim.

Variando bastante o jogo, Tsitsipas controlou o ritmo do jogo, terminando com 10 bolas vencedoras a mais do que o rival (25 a 15) e apenas cinco erros não forçados a mais (9 a 4). O grego teve também foi melhor com o saque, vencendo 68% dos pontos contra 58% de Khachanov. Curiosamente, ambos foram prefeitos nos break-points, Tsitsipas converteu os três em três e Khachanov o único que teve.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE