PLACAR

Sinner vai ultrapassar Alcaraz no ranking se for campeão

Foto: BNP Paribas Open

Miami (EUA) – A briga pela vice-liderança do ranking está bem definida agora com a eliminação do espanhol Carlos Alcaraz nas quartas de final do Masters 1000 de Miami. Com isso, ele pode ser ultrapassado por Jannik Sinner caso o italiano consiga faturar o título do torneio na Flórida.

Vice-campeão no ano passado, Sinner está perdendo mais pontos que Alcaraz até o momento. O italiano está perdendo 200 pontos até o momento, enquanto o espanhol 160, por isso ele precisa não apenas chegar até a final, mas também faturar o título para conseguir ser número 2 pela primeira vez.

Rival de Sinner na semi, em uma reedição da final de 2023, o russo Daniil Medvedev ficará em quarto lugar no ranking independente do resultado final, mas para não deixar que o italiano e o espanhol descolem muito dele na lista da ATP, tem que ao menos chegar na decisão.

Medvedev está no momento cerca de mil pontos atrás de Sinner, mas tem a chance de terminar Miami com 700 pontos de desvantagem. A única boa notícia para o russo é que não pode ser ameaçado por quem vem embaixo.

Atual número 5 do mundo, o alemão Alexander Zverev está somando 355 pontos em relação ao ano passado, mas precisa de mais 1.700 para chegar em Medvedev, que tem uma vantagem confortável.

Um pouco mais embaixo, o búgaro Grigor Dimitrov está a uma vitória do top 10. Atual 12 do mundo, ele está subindo para o 11º lugar e será o 9º se bater Zverev na semi. Caso conquiste seu primeiro título de Masters 1000, Dimitrov terá uma ascensão ainda mais destacada e subirá para a sétima colocação.

3 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
João
João
16 dias atrás

Sinner já poderia ter tomado o número 2 do espanhol não tivesse dado aquela gigantesca amarelada em Indian Wells. Teria sido mais bonito mas fez um primeiro set primoroso e depois entrou em parafuso no segundo set e terceiro sets e entregou o jogo. E não, não foi mérito do espanhol, foi amarelada do italiano mesmo. Agora tem nova chance, resta saber se vai vacilar novamente.

Charlie
Charlie
16 dias atrás
Responder para  João

Acho que não foi amarelada. Deu pra perceber que foi o físico, cansaço.

Guilherme
Guilherme
15 dias atrás
Responder para  Charlie

As pessoas se esquecem que ele também jogou duplas em indian Wells…foi uma péssima ideia da equipe dele

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE