PLACAR

Sinner explica decisão de começar o ano apenas no AO

Foto: ATP/Getty Images

Melbourne (Austrália) – O italiano Jannik foi um dos três tenistas do topo do ranking a optar por uma preparação diferente para o Australian Open. Assim como Carlos Alcaraz e Daniil Medvedev, o atual número 4 do mundo preferiu não disputar nenhum torneio oficial neste começo de janeiro, pulando direto para o primeiro Grand Slam da temporada.

Na entrevista coletiva desta sexta-feira em Melbourne, ele explicou os motivos que o levaram a essa decisão. “Eu terminei o ano passado bem tarde. Joguei também a Copa Davis e tive basicamente apenas uma semana de férias antes de começar a pré-temporada. Eu queria começar os trabalhos mais rápido possível, mas sem a tensão competitiva, e isso foi muito importante para mim e para o meu corpo”, destacou o jovem de 22 anos.

“Tentamos também analisar se isso poderia ser uma opção para os próximos anos, se isso ajuda ou não. Joguei algumas partidas em Kooyong, que obviamente não são como jogos oficiais, mas deu para sentir um pouco o ritmo. Me sinto bem confiante e preparado para apresentar um bom tênis aqui”, completou.

Sinner ainda afirmou que espera manter a boa forma dos últimos jogos do ano passado e diz ter sentido falta das competições. “Ainda tenho a confiança dentro de mim, com certeza. Por outro lado, cada temporada e cada torneio são diferentes. Senti falta de competir no último mês e meio, mas é bom estar de volta e ter a conexão com a torcida.”

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE