PLACAR

Serena anuncia nascimento de sua segunda filha

Reprodução/Twitter

Miami (EUA) – Serena Williams anunciou nesta terça-feira o nascimento de sua segunda filha, que vai se chamar Adira River Ohanian. A ex-número 1 do mundo e vencedora de 23 títulos de Grand se tornou mãe pela primeira vez em 2017, ano de nascimento da filha Alexis Olympia Ohanian Jr. Em várias entrevistas ao longo de sua carreira, Serena falou sobre Olympia desejva uma irmã mais nova.

“Sou grato por informar que nossa casa está repleta de amor: uma menina recém-nascida feliz e saudável e uma mamãe feliz e saudável”, escreveu o empresário Alexis Ohanian, marido da tenista, em suas redes sociais.

“Serena, você agora me deu outro presente incomparável. É a melhor mãe de todos os tempos. Obrigado a toda a incrível equipe médica que cuidou de minha esposa e de nossa filha. Nunca esquecerei o momento em que apresentei Olympia à sua irmã mais nova”, acrescentou Ohanian, que é cofundador do Reddit.

A tenista de 41 anos também registrou uma breve mensagem: “Seja bem vinda, meu lindo anjo”. O anúncio da gravidez foi feito em maio, durante o MET Gala, tradicional baile de gala para benefício do Metropolitan Museum of Art, com a presença de várias celebridades, de segmentos como a música, o cinema e o esporte.

A última partida de Serena Williams no circuito profissional aconteceu no US Open do ano passado. Na ocasião, ela já havia anunciado que faria uma turnê de despedida aos 40 anos e recebeu justas homenagens nos torneios preparatórios e também em todas as rodadas que disputou em Nova York. Depois de ter vencido nas fases iniciais a montenegrina Danka Kovinic e a estoniana Anett Kontaveit, então número 2 do mundo, ela foi superada na terceira rodada pela australiana Ajla Tomljanovic, em jogo com 3h de duração.

Com mais de duas décadas de dedicação ao tênis, Serena Williams divide com Novak Djokovic o recorde de títulos de Grand Slam entre homens e mulheres na Era Aberta, são 23 troféus para cada um. Sua conquista mais recente foi no Australian Open de 2017, derrotando na final a irmã mais velha, Venus Williams. Ela acumula 319 semanas como número 1 do mundo, em oito passagens diferentes pela liderança. Nas duplas, Serena e Venus ganharam 14 Grand Slam e três medalhas de ouro olímpicas.

Fora das quadras, a norte-americana deixou um legado inestimável e influenciou novas gerações de jogadoras, especialmente as jovens negras que a viam como fonte de inspiração, além de ser voz atuante nas lutas contra o racismo e por igualdade de direitos entre homens e mulheres. Ela também influenciou na moda, com coleções de roupas, jóias e acessórios, além de também trabalhar atualmente no mercado financeiro.

 

@serenaWelcome my beautiful angel♬ original sound – Serenawilliams

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE