PLACAR

Schiessl busca segundo título seguido, Daniel cai

João Schiessl (Foto: João Pires)

Vrhnika (Eslovênia) – A excelente fase do paranaense João Schiessl lhe permitiu escapar de um jogo complicado neste sábado e o colocou em sua segunda final consecutiva no saibro europeu. Depois de ficar atrás no segundo set quase o tempo todo, ele superou o italiano Luigi Sorrentino, que logo na estreia derrotou o cabeça 1 Mateus Alves, com parciais de 6/2 e 7/6 (7-4).

Dessa forma, ele vai em busca do segundo título de nível ITF 15 em semanas sucessivas, já que levantou o primeiro troféu da carreira há uma semana, no torneio de Celje. Seu adversário da final será o jogador da casa Bor Artnak, 460º do ranking, que mais cedo havia tirado o britânico Anton Matusevich, por 7/6 (7-2) e 6/4.

Aos 19 anos, Schiessl terá a mais alta classificação da curta carreira quando a nova lista for divulgada, após Roland Garros. Atual 811º, ele já foi 800º colocado e os pontos somados nestas duas últimas semanas o projetam para o 654º posto. Ele poderá ficar bem perto do 600º lugar em caso de novo título.

Na partida deste sábado, destaque para o índice de 78% de pontos vencidos quando Schiessl precisou do segundo saque, o que aconteceu em 14 de 18 vezes.

Daniel para na semifinal

O canhoto Daniel Dutra da Silva, de 35 anos, ficou quase três horas em quadra, mas não conseguiu sustentar o ritmo e caiu no terceiro set na semifinal do M25 de Kiseljak, torneio que acontece sobre o saibro bósnio. Sétimo favorito do torneio, ele foi eliminado pelo principal favorito, o polonês Maks Kasnikowski, com parciais de 6/4, 6/7 (5-7) e 6/1.

Número 385 do ranking de momento, provisoriamente o brasileiro pode avançar 14 posições com os pontos obtidos.

11 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Kario
Kario
16 dias atrás

Parabéns, e boa sorte amanhã na final!!! Morde esse tb!

Guilherme E.S. Ribeiro
Guilherme E.S. Ribeiro
16 dias atrás

Muito bom Schiessl. Mais uma final, sua 3º na carreira. Já está chegando perto do 650 do mundo. Azarão na final. Mais uma vez contra um tenista da casa, o esloveno Artnak, 460 do mundo, tenista da mesma geração do João, 2004. Torcendo para o João conseguir seu 2º título. Seria sua maior vitória da carreira.

Arajaribu
Arajaribu
16 dias atrás

Bora copar!! Quem sabe alguns torneios um pouco maiores? Passo a passo…

Marcos J. C. Souza
Marcos J. C. Souza
16 dias atrás

O rapaz vai para mais uma final. Que maravilha. O rapaz está on. Torcendo para que ela vença de novo mais um tenista da casa. Que venha mais uma vitória João.

Leonel
Leonel
16 dias atrás
Responder para  Marcos J. C. Souza

Quem também tá fazendo bonito é o Sell. Poucas vezes vi ele jogar porem agora parece que subiu o sarrafo. Ótimo pra nós podermos encarar a esquadra Argentina. Os argentinos em 1 ano ou pouco mais, levou meia duzia de argentinos pro top 100.

Marcos J. C. Souza
Marcos J. C. Souza
16 dias atrás
Responder para  Leonel

Os dois farão finais amanhã.
Tanto o João, quanto o Sell estão jogando muito e nós dando alegria em torcer por eles. Vamos Brasil.

Jorge Luiz
Jorge Luiz
16 dias atrás

Menino tá voando

Guilherme E.S. Ribeiro
Guilherme E.S. Ribeiro
16 dias atrás

Derrota normal do Daniel. Polonês era favorito. Boa campanha

Paulo A.
Paulo A.
16 dias atrás

João segue muito inspirado na linda Eslovênia. Parada duríssima amanhã mas ele vem jogando bem, tomara que dê tudo certo para ele na final.

Paulo A.
Paulo A.
15 dias atrás
Responder para  Paulo A.

Jogará 2h no horário de Bsb. Não é considerado o favorito. A ver…

Scott
Scott
15 dias atrás

Poxa, Danielzinho!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE