PLACAR

Sabalenka tem grande atuação e reencontra Gauff na semi

Foto: Paul Zimmer/ITF

Melbourne (Austrália) – Protagonistas da final do último US Open, Aryna Sabalenka e Coco Gauff voltarão a se enfrentar em um Grand Slam, desta vez na semi do Australian Open. Depois de Gauff ter superado um duelo de 3h08 contra a ucraniana Marta Kostyuk na abertura da rodada das quartas, Sabalenka teve uma grande atuação contra a tcheca Barbora Krejcikova e venceu por 6/2 e 6/3 em apenas 1h11.

Atual campeã em Melbourne, Sabalenka ainda não perdeu sets no caminho até a semifinal. A bielorrussa de 25 anos busca agora uma revanche contra a jovem norte-americana de apenas 19, que levou a melhor na decisão em Nova York. Gauff lidera o histórico de confrontos por 4 a 2.

Sabalenka mantém a escrita de nunca ter perdido um jogo de quartas de final de Grand Slam, alcançando agora sua oitava semifinal da carreira. Ela busca sua terceira final em torneios deste porte. E o reencontro com Coco Gauff será um confronto direto pela segunda posição no ranking, liderado pela polonesa Iga Swiatek.

Já Krejcikova segue com apenas uma vitória em sete jogos contra Sabalenka no circuito. Ex-número 2 do mundo, a tcheca de 28 anos aparece atualmente na 11ª posição do ranking e pode voltar ao top 10 caso a chinesa Qinwen Zheng não seja semifinalista. Ela permanece em Melbourne para jogar as quartas de final de duplas ao lado da alemã Laura Siegemund. As adversárias serão a também tcheca Katerina Siniakova, sua antiga parceira, e a australiana Storm Hunter.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Ainda que a tcheca tenha confirmado seu primeiro game de serviço de forma relativamente tranquila, não demorou para que Sabalenka estabelecesse o domínio das ações. Com seu jogo agressivo do fundo de quadra e a potência de seu forehand, a atual campeã vinha controlando os ralis de fundo e conseguiu duas quebras seguidas para abrir 4/1. Mas o jogo de Sabalenka não se resume à pancadaria. A atual campeã utilizava bem os slices e bolas curtas diante de uma rival historicamente muito sólida do fundo de quadra. Krejcikova devolveu uma das quebras, mas já começou o game seguinte fazendo uma dupla falta. Vulnerável, a tcheca voltou a perder o saque logo na sequência.

A vantagem de Sabalenka na partida ficou ainda maior no segundo set, em que novamente ela conseguiu liderar por 4/1 com duas quebras de vantagem. Krejcikova buscou variações para tentar quebrar o ritmo de sua adversária. A tcheca arriscou bolas curtas e subiu à rede para tentar mudar a dinâmica da partida. A estratégia até ajudou a diminuir a diferença no placar para 4/3, mas a número 2 do mundo permanecia em situação confortável no jogo para definir a disputa em sets diretos.

Sabalenka liderou com folga a estatística de winners por 19 a 6. E mesmo sendo mais agressiva, cometeu bem menos erros não-forçados, 13 contra 23 de sua adversária. Com pressão constante sobre os games de saque da tcheca, a bielorrussa criou nove break-points e conseguiu seis quebras e só perdeu dois games de serviço em toda a partida.

7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Camila
Camila
1 mês atrás

Impressionante , o tenis da Sabalenka, evoluiu muito!!! Antes era somente pancada, porrada e bomba, sem falar que era a rainha das duplas faltas e dos xiliques !!! Melhorou o mental, evoluiu nos golpes, está mais concentrada. Foi um show de tênis !!!! Parabéns !!!

Leo realista
Leo realista
1 mês atrás
Responder para  Camila

Sim, concordo. Mesmo com esses problemas do passado, ela já tinha uma carreira confortável e mesmo assim foi atrás de melhorar. Tem bastantes tenistas que entram numa zona de conforto e simplesmente aceita aonde está. Com ela foi diferente.

Refaelov
Refaelov
1 mês atrás
Responder para  Leo realista

Né Bia?

Flávio
Flávio
1 mês atrás
Responder para  Leo realista

Exatamente ela evolui e variou um pouco o seu jogo, agora ela deveria controlar um pouco a sua gemeção,pois acho que os seus gemidos exagerados devem incomodar as suas adversárias e isso não é legal.

SANDRO
SANDRO
1 mês atrás

Como evoluiu no saque!!! Sabalenka passou o trator e é favoritissima contra a Gauff…

José Andrade
José Andrade
1 mês atrás

Boa, Aryna

Fabio
Fabio
1 mês atrás

Sabaluda, Sabaluda…

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE