PLACAR

Romboli joga 1º Slam aos 35: “Recompensa de muito esforço”

Fernando Romboli (Foto: Federação Portuguesa de Tênis)

Paris (França) – A rodada desta terça-feira em Roland Garros será especial para Fernando Romboli, que disputará uma chave principal de Grand Slam pela primeira vez aos 35 anos, jogando duplas em Paris. Romboli e o húngaro Fabian Marozsan enfrentam às 6h (de Brasília) os italianos Simone Bolelli e Andrea Vavassori, cabeças 11 do torneio e finalistas do Australian Open.

Atualmente no 88º lugar do ranking, Romboli igualou a melhor marca da careira, alcançada em julho de 2022. Ele tem um título de ATP, conquistado em Umag há três temporadas, mas garante que o momento atual é o seu melhor no circuito.

“Com certeza, pode se dizer que é o melhor momento da minha carreira e é sem dúvida uma recompensa de todo o esforço, de tudo que venho fazendo durante esses últimos anos. Para conseguir esse lugar entre os melhores do mundo, não é fácil. Agora vamos trabalhar ainda mais para manter este nível”, disse Romboli.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

“Como profissional, joguei o quali de simples três Grand Slam (Roland Garros, Wimbledon e US Open). E no juvenil, também já joguei a chave principal, mas é diferente, não tem como colocar isso tudo na mesma prateleira”, explicou. “É minha primeira vez de uma chave principal, e claro, a sensação é muito boa. É mais um objetivo cumprido e eu estou muito contente. E agora entrar em quadra e fazer valer a pena”.

Em caso de vitória, Romboli e Marozsan podem até enfrentar dois brasileiros, o mineiro Marcelo Melo e o gaúcho Rafael Matos, que estreiam contra os alemães Constantin Frantzen e Hendrik Jebens também nesta terça-feira.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Nilton Cardoso
Nilton Cardoso
15 dias atrás

Merece, pois é um batalhador!

Henrique
Henrique
15 dias atrás

Esse cara é uma metralhadora. Muito agressivo, espero que arrebente nesse torneio!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE