PLACAR

Raducanu levou só 10 segundos para aceitar pedido de Murray

Emma Raducanu (Foto: AELTC/ Tony O Brien)

Londres (Inglaterra) – Emma Raducanu ama a Quadra 1 de Wimbledon, e a quadra também a ama – como evidenciado pela fã cantora que roubou por instantes sua entrevista em quadra de maneira divertida, após sua vitória sobre a belga Elise Mertens na segunda rodada, nesta quarta-feira.

Sob o entusiasmo da multidão por mais uma vitória de Raducanu, um fã interrompeu a entrevista para Rishi Prasad, colocando seu nome no famoso grito comemorativo das torcidas “Ole, Ole, Ole”. Raducanu aproveitou a interrupção com humor, erguendo o microfone na direção das arquibancadas antes de continuar.

“Estou muito, muito grata a todos pelo apoio hoje. Especialmente com o teto fechado, estava muito barulhento”, disse ela. “Estou muito agradecida a todos por fazerem muito barulho”, disse de forma divertida. Quando solicitada a comentar sua vitória, um fã gritou “linda”, antes que ela tivesse a chance de responder, e teve a aprovação do resto da multidão.

Os torcedores continuaram reagindo com entusiasmo às palavras de Raducanu que chamou a Quadra 1 de sua favorita para jogar em Wimbledon. “Quando penso na Quadra 1, só penso naquela vitória incrível contra Sorana Cirstea, por 6-3, 7-5, na terceira rodada (de sua estreia em Wimbledon em 2021)”, disse Raducanu após a partida, referindo-se a um resultado importante no início da carreira.

“Tenho lembranças incríveis daquela quadra. Acho que aquela partida em particular, foi a primeira vez que joguei em uma quadra desse tamanho, tão grande. Só tenho boas lembranças daquela quadra.”

Ela também foi perguntada a respeito de jogar dupla mista com Andy Murray. Ela contou que levou apenas 10 segundos para aceitar o convite do bicampeão de Wimbledon. “Não poderia dizer ‘não’. É uma oportunidade única na vida. Um sonho meu desde criança vendo ele aqui e nas Olimpíadas. Ele é um herói”, afirmou sob aplausos. “Então, para mim, é uma honra que ele tenha me perguntado.”  Mais tarde, na entrevista coletiva aos jornalistas, alguém pediu pra que ela falasse algo em chinês e ela atendeu.

Raducanu, em entrevista a Simon Briggs, foi mais além. “Acho que algumas coisas são maiores que o tênis. No fim da minha vida, no fim da minha carreira, quando eu tiver 70 anos, sei que vou me lembrar de jogar Wimbledon com Andy Murray num Grand Slam em casa. Obviamente, quero ir bem com ele. Não quero deixa-lo na mão. Vou procurar estar em minha melhor forma. Provavelmente, vou  estar mais nervosa do que em simples”, disse. “Acho que Wimbledon é Andy Murray e Andy Murray é Wimbledon. Sim, eu só quero que ele vá bem.”

Quadra 1 (Foto: AELTC/Joe Toth)
8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
João Sawao ando
João Sawao ando
12 dias atrás

Ela e muito simpática espero que não perca a humildade

André
André
12 dias atrás

Melhor empresário que o dela só o do goleiro Doni

Carlos Carcamino
Carlos Carcamino
12 dias atrás

Raducanu você vai entrar pelo cano jogando com este fim de carreira arrogante igual os argentinos

Willian Rodrigues
Willian Rodrigues
10 dias atrás
Responder para  Carlos Carcamino

De quem vc esta falando, chefia? Porque não pode ser do Murray!! Quando esse cara foi arrogante nessa vida??!!

Roberto Pascarelli
Roberto Pascarelli
12 dias atrás

Da onde vem esse titulo da materia? Na entrevista ela nao diz nada sobre 10 segundos para aceitar o convite…

José Nilton Dalcim
Admin
11 dias atrás
Responder para  Roberto Pascarelli

Ao publicar um texto, várias fontes são consultadas, caro Roberto. Neste caso, uma das fontes foi https://sports.yahoo.com/emma-raducanu-wimbledon-headache-looms-185326607.html

Roberto Pascarelli
Roberto Pascarelli
10 dias atrás
Responder para  José Nilton Dalcim

Obrigado Dalcim. Li a fonte do Simon Briggs, e agora faz sentido. Mas entao nao foi na entrevista dela ainda em quadra, o que da a entender no texto de voces. (no video da entrevista em quadra, ela nao diz nada sobre os 10 segundos (fala que nao poderia recusar, de quanto o Murray eh um heroi para todos ali, etc.)).

PS: Nao leve como critica, eu adoro o site. E continuem postando os videos de entrevistas no original, que sao sempre bons.

Ana
Ana
12 dias atrás

10 segundos? Pensou muito

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE