PLACAR

Pucinelli é superado pelo favorito Cerúndolo nas quartas

Matheus Pucinelli (Foto: Luiz Cândido/CBT)

Lima (Peru) – Depois de ter vencido seus dois primeiros jogos no challenger de Lima, Matheus Pucinelli foi eliminado nas quartas de final do torneio em quadras de saibro na capital peruana. O paulista de 23 anos e 353º do ranking caiu diante do argentino Juan Manuel Cerúndolo, principal cabeça de chave e 181º do mundo, com parciais de 7/6 (7-3), 4/6 e 6/3.

Por ter vencido os jogos contra o equatoriano Alvaro Guillen Meza e o norte-americano Garrett Johns nas fases iniciais, Pucinelli recebe 8 pontos na ATP e sobe para a 335ª posição. Ele tem como melhor ranking da carreira o 190º lugar, alcançado em setembro de 2022. Este é o segundo challenger seguido que ele alcança as quartas, repetindo a campanha da semana passada, em Santa Fé.

Pucinelli ainda está vivo na chave de duplas em Lima, ao lado do também paulista Nicolas Zanellato. Eles jogam ainda nesta sexta-feira contra o libanês Hady Habib e o norte-americano Trey Hilderbrand. Em caso de vitória, farão uma final brasileira contra Pedro Boscardin e Pedro Sakamoto. Em simples, Boscardin é o último representante nacional na chave e enfrenta o argentino Hernan Casanova na semifinal.

Pucinelli chegou a sacar para o primeiro set 

Em um primeiro set com duas quebras para cada lado, Pucinelli esteve por duas vezes em vantagem no placar, mas não conseguiu sustentar a liderança. Ele saiu vencendo por 2/0 e chegou ter 5/3. Quebrado no momento em que sacava para o set, permitiu a reação do argentino, que venceu a parcial no tiebreak.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Pucinelli reagiu no segundo set e passou a confirmar seus games de serviço de forma mais tranquila. Ele conseguiu a única quebra da parcial para fazer 4/2 e salvou todos os quatro break-points que enfrentou na hora de sacar para fechar. Mas logo no início do terceiro set, Cerúndolo prevaleceu em dois games longos para manter o saque e ainda conseguir uma quebra para abrir 2/0. O argentino sustentou a liderança e só enfrentou um break-point no último game da partida.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Aridelson Rue
Aridelson Rue
1 mês atrás

Esse rapaz iludiu todo mundo inclusive a mim! Muito limitado tecnicamente e fisicamente.. a conformidade quando toma certos pontos chega a assustar!

Lucas F.
Lucas F.
1 mês atrás

Gostei de ver ele jogar, tem algum potencial, mas precisa melhorar bastante o smash e os voleios

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE