PLACAR

Ostapenko bate Pavlyuchenkova e decide com Alexandrova

Foto: Upper Austria Ladies Linz

Linz (Áustria) – Cabeça de chave número 1 no WTA 500 de Linz, a letã Jelena Ostapenko se impôs nas semifinais e não deu chances à russa Anastasia Pavlyuchenkova, triunfando em sets diretos, com o placar final de 6/2 e 6/3, depois de 1h13 de confronto.

Na decisão, Ostapenko terá pela frente mais uma russa, a segunda favorita Ekaterina Alexandrova, que teve muito mais trabalho na outra semi e precisou de 3h06 para superar a croata Donna Vekic com parciais de 5/7, 7/6 (7-4) e 7/6 (8-6).

Ostapenko e Alexandrova já se enfrentaram nove vezes no circuito profissional, com a russa levando uma pequena vantagem no retrospecto, liderando por 5 a 4. No entanto, a letã já derrotou sua adversária na final nesta temporada, nas semifinais de Adelaide.

Finalista de Linz em 2019, Ostapenko foi o mais dominante e agressiva, anotando 34 bolas vencedores contra apenas 10 de Pavlyuchenkova. A letã já está na segunda final deste ano, tendo conquistado o título de Adelaide. Até agora na temporada ela tem 12 vitórias e só duas derrotas.

“Fiquei muito feliz com a forma como estava sacando”, disse Ostapenko, depois de terminar a partida com vencedores de saques consecutivos. “Esperava um jogo difícil e sabia que seria difícil. Pavlyuchenkova é uma grande tenista e tem jogado muito bem recentemente”, acrescentou.

Na outra semifinal, Alexandrova teve um duelo muito equilibrado com Vekov, que saiu na frente e venceu o primeiro set com apertados 7/5. Nas duas parciais seguintes, a russa fez valer o favoritismo, mas só foi conseguir nos tiebreaks.

“Para mim, no tiebreak, temos uma relação difícil, principalmente no último set. Mesmo quando estava 1-5 abaixo continuei jogando todos os pontos, não importa o que acontecesse. A coisa mais valiosa para mim nesta partida foi vencer depois desse momento. É simplesmente incrível”, falou a russa.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE