PLACAR

Osaka retorna visando Jogos de Paris e títulos de Slam

Brisbane (Austrália) – Uma das grandes novidades para o início da temporada de 2024 é o retorno de Naomi Osaka às quadras, após mais de um ano afastada do circuito. Confirmada para a disputa do forte WTA 500 de Brisbane na primeira semana de janeiro, a japonesa de 26 anos tem dois grandes objetivos para o próximo ano: garantir vaga nos Jogos Olímpicos de Paris e conquistar novos títulos de Grand Slam.

“No primeiro capítulo da minha carreira no tênis, meio que consegui ser eu mesma e jogar com meus instintos. Acho que quero ser alguém que entende muito mais o jogo. Definitivamente, quero ganhar mais Grand Slam, com foco em Roland Garros e Wimbledon, além de jogar as Olimpíadas de Paris”, afirmou em entrevista à NHK.

Dona de quatro títulos de Major, no Australian Open de 2019 e 2021 e no US Open de 2018 e 2020, Osaka sofreu nos últimos anos com sua saúde mental, algo que lhe fez desistir do Aberto da França de 2021 após seguidas crises de ansiedade e depressão. Naquela ocasião, ela chegou inclusive a não comparecer na entrevista coletiva obrigatória após vitória na estreia contra a romena Patricia Maria Tig.

A última partida da ex-número 1 do mundo aconteceu em setembro de 2022, na primeira rodada do WTA 500 de Tóquio. Na ocasião, ela disputou apenas um game contra a australiana Daria Saville, quando a adversária abandonou por causa de uma lesão no joelho. Curiosamente, na fase seguinte foi a vez da japonesa sentir problemas físicos e sequer entrar em quadra para enfrentar Beatriz Haddad Maia.

Desde então, ela ficou longe das quadras para se recuperar física e emocionalmente, e também para dar à luz a filha Shai, que nasceu em julho deste ano. Segundo a tenista, tornar-se mãe trouxe uma mentalidade diferente para encarar os desafios da carreira de atleta. “Nunca fui uma pessoa realmente boa em jogar para mim mesma, se isso faz sentido. Então, eu meio que gosto da sensação de ter a responsabilidade de cuidar de Shai e querer mostrar o mundo a ela. Eu sinto que estou jogando para ela”, comentou.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
2 meses atrás

Boa sorte para a Naomi Osaka nessa sua volta ao circuito. Tomara que ela consiga recuperar o seu melhor nível de tênis. Se isso acontecer, poderá rivalizar com as Top 5 atuais.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE