PLACAR

Murray e Medvedev divergem sobre patrocínio saudita à ATP

JB Autissier/Open Sud de France

Dubai (Emirados Árabes) – Nesta semana, a ATP surpreendeu o circuito ao anunciar um acordo de patrocínio plurianual junto ao Fundo de Investimento Público (PIF) da Arábia Saudita, que a partir de agora estampará sua marca nos rankings masculinos de simples e duplas, além de apoiar alguns dos principais eventos da entidade.

Diante da notícia, alguns jogadores reagiram de formas diversas e dois deles se destacaram por divergirem em suas opiniões. Atual quarto colocado do ranking, o russo Daniil Medvedev afirmou ser favorável à parceria, enquanto o ex-número 1 do mundo Andy Murray se mostrou reticente à presença saudita no tênis.

Medvedev, aliás, desconhecia a nova patrocinadora da ATP, mas não vê problemas se for algo benéfico para o esporte. “Para ser sincero, não tenho nenhuma reação no momento porque antes era a Emirates, depois a Pepperstone. Eu nem sei quais outros patrocinadores temos. Seja quem for, é uma empresa nova. Vocês já sabem como funcionam os patrocínios. Eles dão dinheiro, a ATP decide se quer promovê-los e é isso. Não tenho nada a ver com esta decisão”, declarou.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

“Acho que isso é bom para o tênis. Na verdade, não tem nada a ver com a Arábia Saudita, porque amamos o nosso esporte. Quanto mais dinheiro pudermos atrair de diferentes empresas, melhor. Como disseram, [esse acordo] vai ser maior do que um mero patrocínio. Acredito que podemos fazer o tênis crescer como esporte, torná-lo mais interessante paro o público. Que tenha mais cobertura e mais pessoas saibam quem são os tenistas. Às vezes você quer ser menos famoso, mas acho que vai ser bom”, acrescentou o russo.

Na contramão do campeão do US Open de 2021, Murray demonstrou certa desconfiança com o acordo e enfatizou que o mais importante é não esquecer dos jogadores em posições inferiores no ranking. “Não sei exatamente o que significa patrocinar os eventos. Não sei como será isso. Uma das minhas preocupações é obviamente o investimento nos níveis mais baixos do jogo e nas bases do esporte. Acho que isso é extremamente importante”, se limitou a dizer.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE