PLACAR

Muchova não vai a Doha e segue sem jogar em 2024

Foto: Western & Southern Open

Doha (Qatar) – Marcado para a próxima semana, o WTA 1000 de Doha sofreu mais uma baixa importante. Depois de a norte-americana Jessica Pegula desistir de jogar por causa de uma lesão no pescoço, foi a vez da tcheca Karolina Muchova, atual vice-campeã de Roland Garros, confirmar que não disputará o evento por problemas físicos. No seu lugar, entrará a compatriota Linda Noskova, de apenas 19 anos e quadrifinalista do último Australian Open.

Ainda sem apresentar melhoras no punho direito, Muchova pulará mais um grande torneio, repetindo o que fez em Melbourne, e segue sem estrear na temporada 2024. Ela já vinha sofrendo com o problema desde outubro, quando foi obrigada a desistir do Finals de Cancún. Sua participação no WTA 1000 de Dubai, na semana seguinte a Doha, também foi colocada em dúvida.

Aos 27 anos, a atual número 10 do mundo acumula uma série de lesões que prejudicaram sua carreira. Após a classificação para a final de Cincinnati, em agosto, ela admitiu que os diferentes problemas físicos que já enfrentou foram seu grande freio por muito tempo e atrasaram a chegada ao top 10. Em 2023, além do vice no evento norte-americano, Muchova também foi finalista de Roland Garros, fez semi no US Open e entrou pela primeira vez na faixa das dez melhores da WTA.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Andreeva também está fora
Outra tenista que não jogará o WTA 1000 de Doha é a jovem russa Mirra Andreeva, de 16 anos, que não disputa uma partida desde a eliminação para a tcheca Barbora Krejcikova nas oitavas de final do Aberto da Austrália. Apesar de poder entrar direto na chave principal após algumas desistências, a prodígio atual número 35 do ranking optou por não participar do evento, mas não revelou o motivo.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE