PLACAR

Krejcikova também joga final de duplas em San Diego

Foto: Jimmie48/WTA

San Diego (EUA) – Além de estar na final de simples do WTA 500 de San Diego, Barbora Krejcikova garantiu vaga também na final de duplas, ao lado de Katerina Siniakova. A forte parceria tcheca venceu a semifinal contra a japonesa Miyu Kato e a indonésia Aldila Sutjiadi por 6/4 e 7/5 na sexta-feira à noite.

Jogando juntas, Krejcikova e Siniakova já conquistaram sete títulos de Grand Slam, com títulos nos quatro eventos. Elas também são as atuais campeãs olímpicas e venceram o WTA Finals em 2021. Elas já ganharam 15 torneios juntas, dois deles este ano, no Australian Open e em Indian Wells.

Com rodada dupla prevista para o sábado, Krejcikova enfrenta a norte-americana Sofia Kenin na final de simples às 20h (de Brasília). A tcheca de 27 anos terá, então, um período de descanso após a partida e voltará à quadra para a decisão de duplas no fim de noite.

As adversárias na final serão as norte-americanas Danielle Collins e Coco Vandeweghe, que venceram a japonesa Shuko Aoyama e a chinesa Zhaoxuan Yang, cabeças 2 do torneio, por 7/5, 4/6 e 10-7.

O torneio de San Diego é o último da carreira profissional de Vandeweghe, que foi top 10 de simples e campeã de duplas do US Open em 2018, ao lado de Ashleigh Barty. A norte-americana está com 31 anos, tem dois títulos de WTA em simples e mais quatro nas duplas.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE