PLACAR

Kerber gosta da volta, mas aguarda reação do corpo

Foto: Site oficial

Sydney (Austrália) – Entre tantas estrelas do circuito que marcam retorno às quadras neste início de calendário 2024, a alemã Angelique Kerber tem atenção especial. Ela havia se aposentado, mas decidiu retornar após a maternidade, um desafio e tanto para seus 35 anos. O primeiro dia na United Cup no entanto a deixou feliz.

“Foi um longo dia de trabalho, como nos velhos tempos”, sorriu Kerber. “Jogar minha primeira partida oficial depois de 18 meses foi realmente especial, intenso”. Ela achou ainda mais importante vencer a dupla mista, ao lado de Alexander Zverev. “Foi um sentimento incrível, mas gostei até mesmo de ficar ali no banco, assistindo Sascha”.

Kerber admitiu que não sabia exatamente o que esperar. “Não tinha ideia de como eu me sentiria após tanto tempo fora do circuito, mas foi bom. Preciso ver agora como vou estar fisicamente amanhã, depois de dois jogos num dia, essa talvez seja a maior questão”, sorriu.

A canhota alemã gostou da forma com que encarou a número 30 do mundo, a italiana Jasmine Paolini. “Foi uma partida equilibrada, acho que joguei realmente em alto nível contra ela, mas é claro que perdi algumas coisas do meu jogo. Mas estou aqui, ansiosa por mais partidas”. Kerber volta a jogar na segunda-feira quando a Alemanha enfrenta a França e assim terá como adversária a top 20 Caroline Garcia.

“É muito bom voltar ao circuito e ainda mais aqui na Austrália, um local muito especial para mim”, afirmou a campeã do Australian Open de 2016.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo A.
Paulo A.
1 mês atrás

Adoro vê-la jogar; tem um jogo bonito, técnico e com muita estratégia. Sua vitória sobre a Serena na final do AusOpen foi antológica.

Fernando
Fernando
1 mês atrás

Kerber realmente anunciou aposentadoria? Me lembro dela anunciar a gravidez, sem, no entanto, mencionar aposentadoria.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE