PLACAR

Kenin mantém boa fase e joga a segunda semi seguida

Foto: Guadalajara Open AKRON

Guadalajara (México) – Depois de ter alcançado a final de San Diego na semana passada, Sofia Kenin deu continuidade ao bom momento no circuito e garantiu vaga na semifinal do WTA 1000 de Guadalajara. Kenin venceu nesta quinta-feira a canadense Leylah Fernandez, 74ª do ranking, por 6/4, 6/7 (6-8) e 6/1 em 2h45 de partida.

Ex-número 4 do mundo e campeã do Australian Open de 2020, Kenin está com 24 anos e ocupa atualmente o 53º lugar do ranking. Com os 350 pontos já acumulados em Guadalajara, a norte-americana vai recuperando ainda mais posições e se reaproxima do top 30. Se for campeã ela ficaria muito perto do grupo das 20 melhores do mundo. Há duas semanas, ela ocupava apenas a 93ª posição.

Em busca de sua nona final na carreira e a segunda consecutiva, Kenin pode enfrentar a também norte-americana Caroline Dolehide ou a italiana Martina Trevisan. Ela venceu o único duelo anterior contra Trevisan, na campanha para o título do Grand Slam australiano há três temporadas. Já contra Dolehide, a ex-top 5 tem apenas uma vitória em três confrontos.

Kenin começou a partida com maior iniciativa nos pontos, e com sua estratégia mais agressiva conseguiu uma quebra logo cedo para abrir 2/0. Fernandez chegou a buscar o empate, mas a passividade durante os ralis e uma breve perda de concentração custaram caro para a canadense, que voltou a perder o saque. Com isso, a norte-americana fez 4/2 e não teve o serviço ameaçado até o fim do set.

A segunda parcial começou com uma quebra para cada lado, com Fernandez tentando mexer Kenin um pouco mais do fundo de quadra. A canadense chegou a liderar por 5/2, teve o serviço quebrado quando sacava para fechar e perdeu dois set-points. Ainda assim, fechou a parcial no tiebreak, depois de uma dupla falta da norte-americana. Foram necessários seis set-points para que ela igualasse a partida.

Apesar de ter enfrentado games longos no início do terceiro set, Kenin escapou de um break-point e aproveitou duas chances de quebra para largar com 4/0 no placar. Só então, Fernandez finalmente confirmou o serviço, mas a norte-americana continuou sem correr riscos no saque e administrou sua grande vantagem.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE