PLACAR

Ivanisevic: “Nada incomodava, Djokovic estava saudável”

Foto: Andrew Eichenholz/ATP Tour

Zagreb (Croácia) – Muito especulou-se sobre a condição física do sérvio Novak Djokovic durante sua campanha no Australian Open, principalmente na derrota diante do italiano Jannik Sinner, quando o número 1 do mundo não conseguiu se impor como de costume em quadra e acabou eliminado da competição depois de vencer 33 jogos seguidos no Melbourne Park.

Treinador do sérvio, Goran Ivanisevic conversou com a imprensa croata e garantiu que o pupilo estava em plenas condições. “Nada o incomodava, ele estava saudável, mas simplesmente não deu certo. Pode acontecer com ele também, ele é de carne e osso. Por outro lado, se era para perder para alguém, ainda bem que foi contra o Sinner”, falou o técnico ao Sport Klub.

Antes do torneio, houve notícias sobre pequenos problemas no punho de Djokovic, que teriam o atrapalhado na disputa da United Cup. Porém, Ivanisevic deixou claro que não havia qualquer limitação física do sérvio e que a derrota veio por méritos do rival.

“Mais cedo ou mais tarde ele teria que perder, todos nós sabíamos disso. Só é uma pena que tenha sido assim, mas contra o Siner se você não estiver 100% não tem o que fazer. E mesmo quando você está 100%, ainda pode perder. No entanto, todo o Australian Open não foi o melhor para Novak, desde a primeira rodada. Bem, vamos em frente, não é nada tão trágico”, acrescentou Ivanisevic.

Djokovic deve ficar sem competir até a disputa dos Masters 1000 norte-americanos, voltando em Indian Wells e indo depois para Miami. Ele não está inscrito em nenhum dos torneios das próximas semanas e tampouco defendeu a Sérvia no confronto pela fase qualificatória da Copa Davis no último fim de semana, no qual sua equipe acabou superada pela Eslováquia dentro de casa.

7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Robério
Robério
20 dias atrás

Djokovic é indiscutivelmente um gênio nas quadras, fora do comum. Contudo, até os grandes têm seus momentos desafiadores. Aproveitemos enquanto testemunhamos sua genialidade, seja torcendo a favor ou contra. Ele é verdadeiramente o último dos grandes em atividade, mantendo um nível excepcional.
Mas não podemos tirar em nenhum momento os méritos do Sinner, independentemente das circunstâncias. Isso seria ofuscar suas inenarrável conquista.

Ricardo
Ricardo
20 dias atrás

Cabeça Fraca. DjokoFAKE

Paulo Guedes
Paulo Guedes
20 dias atrás
Responder para  Ricardo

Tá..vc q e o bom.

Ricardo
Ricardo
20 dias atrás

Problema é mental

Sociedade da Neve
Sociedade da Neve
20 dias atrás

Quem viu o jogo sabe pq Djokovic perdeu, pq simplesmente Sinner entrou com o intuito de amassar Djokovic

Osvaldo
Osvaldo
20 dias atrás

o fim de uma lenda… definitivamente, acabou pra ele

Diogo Menezes
Diogo Menezes
19 dias atrás
Responder para  Osvaldo

Vc tem talento pra humorista

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE