PLACAR

Ingrid e Blinkova se despedem na estreia na grama holandesa

Ingrid Martins e Anna Blinkova (Foto: Juarez Santos)

‘s-Hertogenbosch (Holanda) – Única brasileira na disputa do WTA 250 de ‘s-Hertogenbosch, Ingrid Martins foi eliminada ainda na rodada de estreia do torneio holandês em quadras de grama. Ingrid e a russa Anna Blinkova foram superadas pelas também russas Liudmila Samsonova e Diana Shnaider por duplo 6/3.

Este foi o segundo torneio que Ingrid jogou ao lado de Blinkova. Elas atuaram juntas no WTA 1000 de Miami, em março, e avançaram uma rodada, mas foram superadas pelas então líderes do ranking Elise Mertens e Su-Wei Hsieh nas oitavas de final.

A carioca de 27 anos é a atual número 3 do Brasil no ranking de duplas e ocupa o 59º lugar. Ainda sem uma parceira fixa no circuito, ela tem apenas cinco vitórias e 15 derrotas em 2024. Seu melhor resultado na temporada foi a final do WTA 125 de Parma, no saibro italiano em maio. Este foi o segundo torneio que Ingrid jogou na grama este ano. Semana passada, ela atuou no ITF W100 de Surbiton, na Inglaterra.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Durante o set inicial, Ingrid e Blinkova tiveram muitas dificuldades com o saque, especialmente quando dependiam do segundo serviço. Elas fizeram só dois pontos nos 14 disputados nessas condições e permitiram três quebras às adversárias. No segundo set, Samsonova e Shnaider conseguiram duas novas quebras e só perderam um game de serviço.

As adversárias de Samsonova e Shnaider nas quartas de final podem ser as japonesas Eri Hozumi e Makoto Ninomiya, cabeças de chave 3, ou a polonesa Magda Linette e a holandesa Arantxa Rus.

6 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Thiago Silva
Thiago Silva
7 dias atrás

Fim de feira.

André Borges
André Borges
7 dias atrás

Sem fixar parceira dificulta muito, talvez fosse melhor pegar alguem com ranking um pouco mais baixo, descer o nivel do torneio pra poder sair como cabeça e vir remando.

Verridiana Parmeggieri
Verridiana Parmeggieri
7 dias atrás

essa moça luta, luta, mas perde no final. é o triplo de derrotas do que vitórias. precisa se recuperar pois defende muitos pontos peloque eu li. talvez como o colega internauta disse aqui, deveria baixar um degrau e remar. a Rebeca Pereira talvez ajudaria como parceira fixa.

Jackson Carlos Correa
Jackson Carlos Correa
6 dias atrás

O problema é ela mesmo…Pode colocar a parceira que for que o problema na dupla vai ser ela…Eu assisti o jogo que ela fez parceria com a Zhu…E agora esse com a Blinkova…Ela vai muito displicente pra bola…Faz muita firula…As vezes o ponto é fácil de matar…Mas por ela ir displicente na bola….Acaba perdendo as vezes um ponto ganho…A hora que ela começar a jogar com mais firmeza e seriedade…Talvez as coisas volte a melhorar…Mas se continuar com essa displicência e firula…Vai ficar saindo dos Torneios na 1° rodada

Jackson
Jackson
6 dias atrás

ADM porque não publicou meu comentário? Aqui só pode elogiar? Não pode criticar?

José Nilton Dalcim
Admin
5 dias atrás
Responder para  Jackson

Antes de criticar, olhe direito a página onde você postou. Seu comentário está lá, publicado 12/06/2024 às 01:55.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE