PLACAR

Heide, Reis e Fonseca jogam novo challenger argentino

Buenos Aires (Argentina) – A nova geração do tênis brasileiro continua em busca de bons resultados e valiosos pontos no saibro argentino. A partir de segunda-feira, Gustavo Heide abre sua temporada 2024, acompanhado por João Lucas Reis e João Fonseca, que permanecem por lá após semifinal.

Heide enfrentará na estreia do torneio de US$ 41 mil o local e cabeça 3 Santiago Rodriguez, a quem venceu no único duelo anterior, disputado num M15 turco de 2021. Heide é 247º do ranking, 40 postos atrás do adversário.

O paulista pode até enfrentar Fonseca em hipotéticas quartas. O carioca de 17 anos, que obteve nesta semana sua maior campanha num challenger, começa diante do italiano e cabeça 7 Edoardo Lavagno, atual 236º do mundo

Reis também tenta manter o bom momento e terá pela frente o canadense Liam Draxl, em confronto inédito. O pernambucano é 313º, 10 posições inferiores ao oponente. Em caso de vitória, pode cruzar com o segundo principal favorito, o argentino Genaro Olivieri.

Outros quatro brasileiros tentam avançar através do qualificatório. Pedro Sakamoto é o principal inscrito e encara o sueco Leo Borg, o filho do pentacampeão de Wimbledon, enquanto Mateus Alves terá pela frente o colombiano Nicolas Mejia.

Já Gilbert Klier é o cabeça 4 do quali e estreia diante do local Gonzalo Villanueva e Orlando Luz ganhou condição de sétimo favorito, tendo pela frente o também local Luciano Ambrogi.

7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
1 mês atrás

Jogos duros, no qualy e na chave principal

Jorge Luiz
1 mês atrás

Boa sorte aos nossos guerreiros

Jorge Luiz
1 mês atrás

Puccinelli,Boscardin,Zanellato,kd vocês?

Fabricio
Fabricio
1 mês atrás
Responder para  Jorge Luiz

A marca registrada de alguns tenistas brasileiros são as várias férias tiradas durante o ano kkkkk

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
1 mês atrás

E por onde anda o Thiago Monteiro?

Rogério Falco
Rogério Falco
1 mês atrás

Este Challenger vai subir o nível de dificuldade. Alguns argentinos voltando da eliminação do quali do AO, como o Navone.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE