PLACAR

Gauff vence jogo tenso com Pliskova e faz quartas

Foto: Dubai Duty Free Tennis Championships

Dubai (Emirados Árabes) – Em jogo com alta carga de tensão, Coco Gauff levou a melhor sobre Karolina Pliskova e garantiu vaga nas quartas de final do WTA 1000 de Dubai. A número 3 do mundo venceu a ex-líder do ranking e atual 36ª colocada por 2/6, 6/4 e 6/3 em 1h53 de partida. Foi a segunda vitória da norte-americana em três jogos contra a tcheca e o resultado encerra uma invencibilidade de 11 jogos de Pliskova no circuito.

Gauff teve uma longa discussão com o árbitro Pierre Bacchi quando liderava o segundo set por 4/2. Um saque da norte-americana foi marcado como fora e a tcheca errou a devolução. Após desafiar a marcação do árbitro, a imagem mostrou que o saque foi dentro da quadra. O árbitro pediu para que o ponto fosse jogado novamente, o que desagradou a jogadora. Segundo ela, a chamada de “bola fora” foi feita após Pliskova ter batido na bola, e por isso a tcheca não teria sido atrapalhada. Ela pediu a visita da supervisora para esclarecer a regra e foi negada.

“Acho que isso apenas me alimentou. Quero assistir o vídeo. Tenho certeza de que [a chamada] foi depois [de Pliskova ter batido na bola]. Mas tudo bem. É apenas um ponto. Isso acontece no tênis. Nós, jogadoras, erramos e todo mundo comete erros. A partir daí, meu nível subiu”, disse Gauff na entrevista em quadra. “Tentei me manter calma e pensar no próximo ponto, porque às vezes se você fica nervosa, pode se perder no jogo. Então tentei evitar que isso acontecesse. Tentei manter a calma e foi o melhor a fazer naquele momento”.

O jogo teve cinco quebras para cada lado e cada jogadora fez 27 winners. A norte-americana cometeu dois erros a mais, 38 a 36. Pliskova conseguiu três quebras seguidas durante o set inicial. Já na parcial seguinte, Gauff abriu 5/2, perdeu a chance de sacar para o set, mas voltou a quebrar logo na sequência. E o último set teve apenas uma quebra, com a jovem de 19 anos escapando dos cinco break-points que enfrentou.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

A adversária de Gauff nas quartas de final será a russa Anna Kalinskaya, 40ª do ranking, algoz da letã Jelena Ostapenko, número 9 do mundo, por 6/4 e 7/5. Kalinskaya marcou sua quinta vitória contra top 10 na carreira e a segunda no ano. Ela ainda não enfrentou a norte-americana no circuito.

Rybakina também vence em três sets
Do outro lado da chave, a cazaque Elena Rybakina também venceu em três sets. Vinda de título em Abu Dhabi e vice em Doha, a número 4 do mundo venceu a polonesa Magdalena Frech por 7/6 (7-5), 3/6 e 6/4. Sua próxima adversária será a italiana Jasmine Paolini, 24ª do ranking, que depois de ter vencido Bia Haddaad Maia e Leylah Fernandez nas fases iniciais, também venceu a grega Maria Sakkari, cabeça 8 em Dubai, por 6/4 e 6/2.

Outro confronto definido das quartas terá a tcheca Marketa Vondrousova e a romena Sorana Cirstea. Atual campeã de Wimbledon, Vondrousova marcou um duplo 6/2 contra a russa Liudmila Samsonova. Já Cirstea derrotou a croata Donna Vekic por 3/6, 6/3 e 7/5.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da decisão em Monte Carlo

Medvedev em outro ataque de fúria e desconta na raquete

PUBLICIDADE