PLACAR

Gabriela Cé e Camilla Bossi jogam quali de Floripa

Gabriela Cé (Foto: Cristiano Andujar)

Florianópolis (SC) – Mais três brasileiras estão confirmadas para a disputa do WTA 125 de Florianópolis, que será disputado entre os dias 19 e 26 de novembro na Super 9 Tennis Park, no Jurerê Sports Center. A gaúcha Gabriela Cé, 403ª do ranking, e a jovem paulista de 20 anos Camilla Bossi receberam convites para o quali. E nas duplas, Rebeca Pereira também foi convidada e jogará ao lado de Cé.

Três brasileiras estão garantidas na chave principal, com destaque para a campeã Pan-Americana e medalhista olímpica Laura Pigossi. Atual número 2 do país, a paulistana de 29 anos ocupa o 136º lugar do ranking da WTA. Ela se junta à também paulista Carol Meligeni, 302ª, e a jovem catarinense de 16 anos Carolina Bohrer, que recebeu convite. Nas duplas, a top 50 Ingrid Martins e Pigossi formam mais uma parceria nacional.

Várias atletas chegaram nesta sexta-feira em Florianópolis, mas não puderam treinar por conta das fortes chuvas de quinta-feira e também desta sexta-feira. O sábado tem programado treinos das atletas desde às 10h da manhã. Entre elas a vice-campeã de Roland Garros de 2012, Sara Errani, e a australiana Ajla Tomljanovic. Laura Pigossi também tem treino marcado para a tarde deste sábado.

INGRESSOS À VENDA – Os fãs de tênis podem adquirir os ingressos para a competição. Entre eles o Ground Pass no valor de R$ 20,00 que dará acesso ao complexo mais as quadras 1 e 2 , quadras de treino e área interativa. Os ingressos que darão acesso à quadra central custam a partir de R$ 40 na arquibancada comum e também a opção colada à quadra com o BOX. Na sexta-feira, sábado e no domingo haverá Área VIP com Open Bar e comida. Os bilhetes podem ser adquiridos pelo site do torneio.

A programação prévia indica jogos começando a partir das 14h com sessão única da quadra central sempre com a última partida começando a partir das 19h. A final está prevista para 12h do domingo, 26.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE