PLACAR

Djokovic: “Não estava 100%, mas posso me recuperar até o Australian Open”

Foto: Alex Coppel/Tennis Australia

Perth (Austrália) – Depois de sofrer sua primeira derrota na temporada e ver a equipe da Sérvia ser eliminada da United Cup, Novak Djokovic afirmou que o recente desconforto no punho comprometeu seu desempenho na partida desta quarta-feira contra Alex de Minaur. Entretanto, o número 1 do mundo acredita que terá tempo suficiente de recuperação antes do Australian Open, que começa no dia 14 de janeiro. Decampeão em Melbourne, o sérvio lembra que também teve problemas físicos nos dois últimos títulos e mesmo assim conseguiu vencer.

“Eu sabia que provavelmente não estaria 100 por cento fisicamente, mentalmente e em termos de jogo na primeira semana da temporada. Nem eu esperava isso”, disse Djokovic em sua coletiva de imprensa após a derrota por duplo 6/4 para Alex de Minaur. “Não estava no meu nível, mas foi apenas um daqueles dias em que não me senti bem em quadra e meu adversário jogou muito. Isso é tudo o que posso dizer”.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

“É uma lesão que teve um grande impacto, principalmente no forehand e no saque. Mas tenho muito tempo suficiente para me colocar na forma certa para o Australian Open. Acho que vou ficar bem, para ser honesto. É só seguir a rotina de recuperação e treinos e recuperando a forma”, avaliou o jogador de 36 anos. “O processo não me é estranho. Não é incomum. Já estive nesse tipo de situação muitas vezes e sei o que preciso fazer junto com minha equipe para me preparar”.

“Nos últimos dois títulos, me machuquei pouco antes do Australian Open e consegui em 2021 e 23. Espero não me machucar desta vez”, explica o sérvio que teve uma lesão muscular na região abdominal há três anos e sofreu com um desconforto na coxa no ano passado. “É nisso que vamos trabalhar, para deixar meu corpo na forma certa, no estado ideal, para que eu possa ter um desempenho de alto nível durante todo o torneio”.

18 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Bruno
Bruno
1 mês atrás

Quando ganha tá tudo bem.porém, quando perde é essa desculpinha de sempre, sou fã do Federer, mas não sou louco de falar que Federer é maior ou melhor que o Djokovic, os números estão aí pra todo mundo vê. Quando parar de jogar tênis vai aposentar como o maior tenista da história, porém como pessoa já não posso dizer a mesma coisa !! DJOCOVID!!

José
José
1 mês atrás
Responder para  Bruno

Esses torcedores de Federer… uma derrota do Djoko, já vem celebrar o miss Simpatia do Federer e falar mal do Goat!
2 grandes da história brother, não precisa esse ódio contra o Djoko!

Felipe
Felipe
1 mês atrás
Responder para  José

Ridículo, para analisar 1 tem que odiar ou amar o outro? Quem falou em federer? Tbm acho o Djoko cheio das 9 horas, mala do caceta, mas… tem lenha pra queimar, sorte a nossa, iremos vê-lo por alguns anos ainda dando show de superação e quebra de recordes.
Tomara que o Nadal volte forte sendo protagonista tbm.

SANDRO
SANDRO
1 mês atrás
Responder para  Bruno

Roger FREGUÊSer tem o legado de ser o maior FREGUÊS de DJOKOVIC e NADAL…

Leo
Leo
1 mês atrás

Ja repararam que o Dkoko e o Nadal nunca creditam derrotas ao oponente? É sempre um detalhe, não estava bem, dormi mal, picada de abelha…

Luiz Fabriciano
Luiz Fabriciano
1 mês atrás
Responder para  Leo

Alguém em sã consciência viu um Djkovic normal hoje?
E deu crédito ao adversário sim, onde ele disse: “jogou muito”.
Alguém em sã consciência acha que De Minaur em 100% é páreo para Djokovic em 80%?

SANDRO
SANDRO
1 mês atrás
Responder para  Leo

E você acha que o DJOKOVIC estava se sentindo bem dentro de quadra hoje? Ele falou o que estava sentindo, ora bolas…

Jonas
Jonas
1 mês atrás

A derrota em si não acho preocupante. O adversário jogou muito, como o próprio Djoko admitiu, dando-lhe os devidos méritos.

Mas essa lesão no punho preocupa. É hora de descansar e focar na recuperação, melhor nem treinar e apostar no ritmo jogo após jogo no Australian Open.

Sidney
Sidney
1 mês atrás

Depois do jogo é fácil falar, não deveria ter jogado.

SANDRO
SANDRO
1 mês atrás
Responder para  Sidney

Ele tentou jogar, mas não deu para ter uma boa performance…

Rocha
Rocha
1 mês atrás

Novak perdeu e pronto, simples assim, ninguém entra para jogar achando que vai perder, mas fácil seria esse tipo de dúvida para o Minaur contra número 1 do mundo. Na vida nada é impossível, basta acreditar, nesse dia o Novak faltou confiança.

Wallace
Wallace
1 mês atrás

Cortina de fumaça….já começa o AO dizendo que está machucado. Djoko é um dos três maiores de todos os tempos e ganha fácil essa nova geração jogando 80%. Lamentável usar desses artifícios.

Luiz Fabriciano
Luiz Fabriciano
1 mês atrás
Responder para  Wallace

Que artifício cara?
Onde você viu Novak Djokovic normal, perder em sets diretos sem ter nenhum breakpoint o jogo inteiro. Logo ele, o maior devolver de saques da história.
Qualquer um que tenho ao menos meio olho viu que o cara está realmente com problemas.
De outro lado, o australiano nunca sacou tanto, mas isso é reflexo da devolução avariada hoje, do maior devolvedor.

José
José
1 mês atrás
Responder para  Wallace

Perdeu, normal! Dia ruim! Cortina de fumaça com que objetivo?? O Goat não perdia na Australia há anos e mesmo pra ele chega a conta do físico depois de uma temporada cansativa e vitoriosa de 2023.

Marlon
1 mês atrás

Obrigado por se manter informado sobre a jornada de Djokovic! Sua dedicação e superação são verdadeiramente inspiradoras. Continue acompanhando para mais atualizações emocionantes do mundo do tênis.

Souza Oliveira
Souza Oliveira
1 mês atrás

Tá tudo certo sérvio…. Avanteee és um ótimo jogador. Nunca será Paz

Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
1 mês atrás

Acho que o maior motivo que fez o Djokovic se arriscar a jogar lesionado foi a consciência da sua importância e a vontade de ajudar o seu país. Djokovic era praticamente a garantia da vitória em simples e o maior trunfo no jogo de duplas mistas. Por isso, acho que se arriscou a jogar sem estar 100%. Não vi o jogo contra o Alex de Minaur, mas vi o jogo contra o Jiri Lehecka. No jogo contra o Lehecka várias vezes o Djokovic recebeu atendimento do fisioterapeuta que teve que fazer massagens no seu punho direito por conta de lesão. Aqueles que põem em dúvida a lesão do Djokovic acredito que acham que o fisioterapeuta que o atendeu, na verdade não era fisioterapeuta e sim um ator que estava encenando um atendimento para que o Djokovic pudesse ter uma desculpa em caso de derrota.

Osvaldo
Osvaldo
1 mês atrás

triste fim de uma lenda

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE