PLACAR

Djokovic dá sugestões para evitar jogos na madrugada

Foto: Tennis Australia

Melbourne (Austrália) – Apesar de todos os esforços da organização do Australian Open para evitar que as partidas terminem muito tarde em Melbourne, principalmente nos grandes estádios, as mudanças impostas para 2024 parecem não ter surtido o efeito esperado. O maior exemplo de que pouca coisa mudou foi o duelo entre Daniil Medvedev e Emil Ruusuvuori, que terminou quase 4h da manhã no horário local.

Principal nome do circuito, Novak Djokovic foi questionado na coletiva de imprensa desta sexta-feira sobre o assunto e emitiu sua opinião, dizendo que dificilmente as coisas vão mudar devido ao formato da programação utilizada pela organização dos eventos para comercializar ingressos.

“Eles tentaram começar o torneio um dia antes, mas a programação diária e o horário das partidas ainda são um problema. Obviamente, quando você tem homens jogando melhor de cinco sets isso pode acontecer. Não é a situação ideal, com certeza. Mas não vejo os torneios de Grand Slam mudando o formato de jogos diurnos e noturnos nas quadras principais, porque é assim que eles vendem seus ingressos e se promovem”, afirma o sérvio.

Para ele, uma sessão única, sem longas pausas entre um jogo e outra seria bem mais eficiente nesse sentido. “Isso definitivamente ajudaria os jogadores, porque talvez teríamos algumas horas extras em alguns dias. Acho que a outra opção é agendar uma partida a menos na quadra central também. Tenho certeza de que os Grand Slam levam em consideração muitas possibilidades diferentes na equação. Isso é tudo o que posso dizer”, finalizou.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
eduardo
eduardo
1 mês atrás

Comentário sensato do Djoko

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE