PLACAR

Dimitrov desiste após oito games e Medvedev vai às quartas

Foto: Simon Bruty/AELTC

Londres (Inglaterra) – Um dos jogos mais aguardados deste domingo, o duelo entre o russo Daniil Medvedev e o búlgaro Grigor Dimitrov não durou muito e terminou com pouco mais de oito games com desistência de Dimitrov, que machucou o joelho no sexto game, depois de um escorregão, chegou a continuar em quadra, mas não teve condições e abandonou quando perdia por 5/3, com apenas 40 minutos de disputa

“Não sei por que, mas são várias lesões nas minhas partidas. Lamento por Grigor, pois tivemos grandes jogos no passado e estava ansioso por enfrentá-lo aqui na grama. Os pontos estavam muito bons e vi que ele sentiu alguma coisa e não conseguia continuar. É uma pena por ele e não tenho muito o que dizer da partida”, disse Medvedev na entrevista em quadra.

Semifinalista no ano passado, o russo chega às quartas de final em Wimbledon pela segunda vez e alcança tal rodada pela 10ª vez em Grand Slam. Só outros 10 tenistas em atividade conseguiram ir tão longe tantas ou mais vezes: Novak Djokovic (59), Rafael Nadal (47), Andy Murray (30), Stan Wawrinka (18), Marin Cilic (14), Kei Nishikori, Alexander Zverev (12), Gael Monfils, Milos Raonic e Andrey Rublev (10).

Quartas de final será contra Sinner

O próximo adversário no caminho de Medvedev será o italiano Jannik Sinner, contra quem leva vantagem no retrospecto, com seis vitórias e cinco derrotas. Porém, o russo foi superado pelo atual número 1 do mundo nos últimos cinco embates, dois deles na atual temporada, o primeiro na final do Australian Open e o outro na semifinal do Masters 1000 de Miami.

“Jannik venceu em três sets, acho que ele estará tão cansado”, comentou o russo sobre a diferença da duração das partidas deles neste domingo. “Se jogasse até o quinto (nesta partida) com certeza seria mais difícil. Preciso jogar meu melhor, acho que pedi nas últimas cinco vezes. Vais ser a primeira vez que vamos nos enfrentar na grama e vou para o duelo focado em dar 100%”, acrescentou.

Dimitrov começou melhor e abriu 3/0

A largada de Dimitrov na partida foi promissora, com o búlgaro mostrando um grande tênis nos games inicias. Com uma quebra no segundo, ele chegou a abrir 3/0, mas viu Medvedev reagir e devolver o break no quinto. Logo em seguida, veio o escorregão do atual número 10 do mundo, que machucou o joelho e até tentou continuar, mas depois disso não conseguiu mais vencer um game sequer.

O búlgaro seguiu um pouco mais em quadra para testar sua condição, mas ao levar nova quebra e notar que mal conseguia se movimentar em quadra, acabou optando por desistir da partida no começo do nono game. No pouco tempo de jogo que teve, Medvedev somou 12 winners e 10 erros não forçados, contra 5 winners e 13 erros não forçados de Dimitrov.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Fernando Venezian
Fernando Venezian
8 dias atrás

Pelo que o Sinner tá jogando, Daniil entra como franco atirador!

João Sawao ando
João Sawao ando
8 dias atrás

Que pena grigor

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE