PLACAR

De Minaur segue firme, Rublev e Aliassime caem

Foto: Peter Staples/ATP

Cincinnati (EUA) – Vindo de duas finais seguidas em Toronto e Los Cabos, o australiano Alex de Minaur aproveitou o bom momento no circuito e estreou com vitória no Masters 1000 de Cincinnati. Ele superou o norte-americano J.J. Wolf por 6/0, 3/6 e 6/1.

Aos 24 anos, De Minaur está com o melhor ranking da carreira, ocupando agora o 12º lugar. Ele enfrenta Gael Monfils na segunda rodada. O único duelo anterior entre eles aconteceu justamente em Cincinnati, há duas temporadas, com vitória do francês.

Quem passar da partida entre Monfils e De Minaur pode enfrentar nas oitavas o bicampeão Novak Djokovic ou Alejandro Davidovich Fokina, que se enfrentam nesta quarta-feira às 20h (de Brasília).

O russo Andrey Rublev, número 8 do mundo, não passou da estreia em Cincinnati. Ele foi superado pelo finlandês Emil Ruusuvuori, 60º do ranking, com parciais de 7/6 (12-10), 5/7 e 7/6 (7-3). Aos 24 anos, Ruusuvuori marcou sua quarta vitória contra top 10 na carreira e a segunda na temporada. Ele enfrenta o australiano Alexei Popyrin já nas oitavas de final.

Quem também se garantiu nas oitavas foi o francês Adrian Mannarino, veterano de 35 anos e 32º do ranking. Ele venceu o canadense Felix Auger-Aliassime, 14º do mundo, por duplo 6/4. Mannarino pode enfrentar o dinamarquês Holger Rune, número 5 do mundo, ou o convidado local Mackenzie McDonald, que bateu o alemão Yannick Hanfmann por 7/5 e 6/1.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE