PLACAR

De Minaur promete jogar seu melhor tênis nas oitavas

Foto: Tennis Australia

Melbourne (Austrália) – O ano não poderia ter começado de maneira melhor para Alex De Minaur. Depois de emplacar três vitórias em quatro jogos na United Cup, todas elas contra adversários do top 10, o australiano enfim fez sua estreia na faixa dos 10 melhores do ranking e de quebra já está nas oitavas de final do seu Grand Slam caseiro pelo terceiro ano consecutivo.

Desta vez, no entanto, o jogador de 24 anos espera enfim quebrar a barreira da quarta rodada e promete mostrar o seu melhor tênis a partir de agora para seguir avançando no Australian Open. “Já estive duas vezes nas oitavas de final e nunca consegui superar essa fase, então só espero conseguir desta vez, pois chego mais revigorado e com mais confiança do que nunca. A primeira semana de um Grand Slam é feita para sobreviver, e agora é quando tenho que mostrar o meu melhor tênis. Espero conseguir”, disse na entrevista coletiva desta sexta-feira após bater o italiano Flavio Cobolli por 6/3, 6/3 e 6/1.

Na próxima fase, De Minaur enfrentará o quarto top 10 diferente neste mês, o russo Andrey Rublev, atual número 5 do mundo, que superou o norte-americano Sebastian Korda pelo placar de 6/2, 7/6 (8-6) e 6/4. O australiano lidera histórico por 3 a 2, com uma vitória para cada lado nos duelos mais recentes em 2023.

“Jogamos algumas vezes ao longo dos anos, e em diferentes fases de nossas carreiras. Ele tem um poder de fogo imenso e seu forehand é mortal. Basicamente, é fazer o possível para não permitir que ele acerte as direitas, principalmente no meio da quadra. Esse provavelmente será o plano de jogo contra ele”, revelou.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE