PLACAR

Carol, Gabi e Candiotto jogam em São João da Boa Vista

São João da Boa Vista (SP) – Três brasileiras já estão garantidas na chave principal da primeira etapa do Circuito Feminino Future de Tênis, que começa no dia 10 de março nas quadras da Sociedade Esportiva Sanjoanense. Carolina Meligeni Alves, Gabriela Cé e Ana Candiotto estão na lista das 18 tenistas com direito a entrada direta, segundo lista divulgada nesta segunda-feira pela Federação Internacional de Tênis.

Tanto Carol como Gabi procuram recuperar seu melhor tênis e posições importantes no ranking. Aos 27 anos, Carol já esteve na 231ª posição, enquanto a canhota gaúcha está com 30 anos e apareceu no 221º posto em 2019. Candiotto por sua vez é uma das representantes brasileiras da nova geração e, aos 19 anos, vive o melhor momento de sua jovem carreira profissional, tendo nove títulos de duplas.

A etapa de São João da Boa Vista recebeu inscrições de jogadoras de diferentes países e continentes, como Ucrânia, Grã-Bretanha, Itália, República Tcheca, Romênia, Alemanha, Estados Unidos, Canadá, México, Argentina e Japão. Com premiação total de US$ 15 mil, haverá chave de simples para 32 jogadores, de duplas para 16 parcerias e o qualificatório para mais 32 tenistas.

“A organização ainda tem direito a indicar quatro convidadas, o que certamente aumentará o número de brasileiras no torneio, e ainda acontecerá o qualificatório, dando oportunidade que outras oito jogadoras avancem à chave principal”, explica Albers Bernardes, diretor da etapa de São João da Boa Vista.

Disputado desde 2011, o Circuito Feminino Future de Tênis colocou em quadra ao longo desse período todas as brasileiras que hoje figuram com destaque no circuito profissional, como Beatriz Haddad Maia, Luísa Stefani, Laura Pigossi e Ingrid Martins. Depois de São João da Boa Vista, serão disputadas etapas na Hípica de Campinas e no Hípico de Santo Amaro, em São Paulo.

Veja a lista das 18 tenistas com vaga já garantida na chave principal da primeira etapa do Circuito Feminino Future de Tênis:

1. Valeriya Strakhova (Ucrânia) – 256ª do ranking
2. Francesca Jones (Grã-Bretanha) – 288ª
3. Ana Sofia Sanchez (México) – 291ª
4. Giorgia Pedone (Itália) – 303ª
5. Carolina Alves (Brasil) – 312ª
6. Victoria Rodriguez (México) – 384ª
7. Miriana Tona (Itália) – 390ª
8. Aurora Zantedeschi (Itália) – 406ª
9. Haley Giavara (EUA) – 425ª
10. Gabriela Cé (Brasil) – 441ª
11. Cadence Brace (Canadá) – 446ª
12. Julieta Lara Estable (Argentina) – 478ª
13. Michaela Bayerlova (República Tcheca) – 504ª
14. Melany Krywoj (Argentina) – 529ª
15. Oana Gavrila (Romênia) – 539ª
16. Jasmin Jebawy (Alemanha) – 554ª
17. Ana Candiotto (BRA) – 575ª
18. Wakana Sonobe (Japão) – 17ª juvenil

O Circuito Feminino Future de Tênis é apresentado pelo Itaú através da Lei de Incentivo ao Esporte/Ministério do Esporte. Tem o patrocínio da Mills e a realização é do Instituto Esperança do Amanhã. A competição tem as chancelas da Federação Internacional de Tênis, Confederação Brasileira de Tênis e Federação Paulista de Tênis.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Hares
Hares
1 mês atrás

Chances de obtenção de pontos importantes para as brasileiras avançarem no ranking…é fazer a lição de casa, e competir com confiança, boa preparação que a vitória será factível. Na torcida por bons resultados neste W15.

Felipe Pires
Felipe Pires
1 mês atrás

A Carol já foi n 165 do ranking.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE