PLACAR

Campeãs de Cincinnati jogaram juntas pela primeira vez

Taylor Townsend e Alycia Parks (Foto: Western & Southern Open)

Cincinnati (EUA) – Campeãs de duplas em Cincinnati, as norte-americanas Alycia Parks e Taylor Townsend fizeram uma campanha memorável na última semana, especialmente porque elas estavam jogando juntas pela primeira vez e eliminaram quatro das cinco principais cabeças de chave.

O título foi conquistado na madrugada de domingo, quando Parks e Townsend venceram a australiana Ellen Perez e a também anfitriã Nicole Melichar-Martinez, cabeças 3 do torneio, por 6/7 (1-7), 6/4 e 10-6.

Este é o primeiro WTA 1000 para as duas jogadoras. A canhota Townsend, de 27 anos, tem agora quatro títulos no circuito de duplas, três deles na atual temporada. Ela também celebra seu grande retorno ao circuito depois de se tornar mãe e entra no top 5 do ranking de duplas. Já Alycia Parks, de 22 anos, tem agora dois títulos de duplas, além de ter vencido seu primeiro WTA 250 em simples no início da temporada em Lyon.

Ao longo da semana, Townsend e Parks também passaram pela ucraniana Lyudmyla Kichenok e a letã Jelena Ostapenko (cabeças 5) nas oitavas. Já nas quartas, venceram a norte-americana Desirae Krawczyk e a holandesa Demi Schuurs (cabeças 4). E na semi, passaram pela australiana Storm Hunter e a belga Elise Mertens (cabeças 2).

“Estou muito orgulhosa da maneira como conseguimos trabalhar juntas”, disse Townsend sobre a conquista. “Acho que melhoramos a cada partida. Tivemos uma chave muito difícil, mas desde o início, percebemos que nossos jogos se complementavam muito bem. Conheço o tipo de parceira com quem consigo jogar bem: É alguém com um bom saque e com ótimos golpes da linha de base, que pode me posicionar na rede”.

A ex-número 1 juvenil também discursou na cerimônia de premiação e agradeceu ao apoio dos fãs que ficaram para a final de duplas, apesar do horário avançado. “Esse é um torneio que eu vinha assitir quando era assistir. Então marca o fechamento de ciclo para mim. Muito obrigada a todos que ficaram até o final da rodada. Foi um dia de muito tênis. Mas o dinheiro foi bem gasto”, comentou com bom humor.

Parks acrescentou: “Gostei muito de jogar com Taylor, ela sempre foi minha parceira de duplas dos sonhos. Ela estava me treinando nas trocas de lado e eu nunca tive isso. Espero que possamos jogar juntas novamente”.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE