PLACAR

Campeão da Davis Jr. surpreende favorito no Paineiras

Gustavo Almeida (Foto: João Pires/Fotojump)

São Paulo (SP) – Se o mineiro Pedro Rodrigues foi a surpresa positiva do Brasil na estreia em Belém ao eliminar o cabeça de chave 1, o autor da proeza em São Paulo foi o paranaense Gustavo Almeida, que causou a maior zebra até aqui do Ano II – Brasil Tennis Cup. O evento da série M15 do circuito ITF World Tennis Tour distribui US$ 15 mil e pontos para o ranking da ATP. O Hospital Sírio-Libanês é o patrocinador oficial.

Em um dia marcado por várias derrotas dolorosas de representantes da casa na estreia, Gustavo brilhou no Clube Paineiras do Morumby. Integrante do time brasileiro campeão da Copa Davis Jr em 2022, o paranaense de 17 anos vinha de 10 derrotas consecutivas em estreias de torneios profissionais.

Em São Paulo, entrou diretamente na chave principal – junto de Pedro Rodrigues – por ocupar um lugar entre os 100 melhores juvenis do ranking da ITF. Nesta terça, Almeida encarou o argentino Santiago de la Fuente, 578º do ranking mundial e cabeça 5, mas quem disse que o brasileiro se importou? Desde o início, quem deu as cartas foi o jogador local.

Mesmo desperdiçando vantagem de sacar para o jogo em 5/4 no 2º set, Almeida teve sangue frio para levar a melhor após 2h40, com parciais de 6/4, 5/7 e 6/4, e garantir seu 1º ponto no ranking da ATP. “Vinha trabalhando há algum tempo, vinha batendo na trave, mas brasileiro não desiste nunca, né? Hoje eu poderia ter fechado mais facilmente, mas senti o nervosismo ali no segundo set e deixei escapar. Mantive a calma e o foco”, analisou o paranaense, que aparecerá na lista da ATP após o US Open.

Almeida vingou o Brasil após três derrotas mais cedo no Paineiras. O paulista Igor Gimenez, cabeça 6 e 847º do mundo, caiu logo na estreia para o argentino Francisco Pini, 1973º do ranking, por 6/4 e 6/3. Outros dois convidados da organização deram adeus ao torneio nesta terça. O paulistano Luiz Felipe Gobbi, que treina no próprio Paineiras, foi derrotado pelo argentino Mateo Del Pino, por 6/2 e 6/2, e Já Henrique Costanzi de Brito esteve próximo do 1º ponto. Vencia o chileno Nicolas Villalon por 6/1 e 5/3, porém permitiu a virada por 1/6, 7/6 (7-2) e 6/4.

Nesta quarta-feira, o principal favorito Eduardo Ribeiro, 332º do ranking da ATP, faz sua estreia no saibro paulistano. Não antes das 14h, o gaúcho encara o convidado Luis Felipe Sandoval Carvalho na terceira partida da quadra Jaime Oncins. Vice em Belém, o brasiliense Gilbert Klier quer confirmar o favoritismo de 2º cabeça de chave em duelo contra o qualifier argentino Lautaro Corthey, por volta das 12h30. Na rodada noturna, o paranaense Fernando Yamacita encara o chileno Ignacio Antonio Becerra, às 18h30.

O Ano II – Brasil Tennis Cup é incentivado por meio Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte, apresentado pelo Hospital Sírio-Libanês, e conta com o copatrocínio de EMS Farmacêutica, Mambo Supermercados, Grupo GPS, Chevrolet Consórcio, AT&T, Alupar, Taesa, Azul Linhas Aéreas – Transportadora Oficial, Gerdau, All – Accor Live Limitless, Stella Artois Pure Gold, Aberje, Optimum Nutrition, Atlas Schindler, INNI Tournament – Bola Oficial e EY.

A sede da competição é o Clube Paineiras do Morumby e recebe chancela da Federação Paulista de Tênis. O evento integra o calendário mundial ITF World Tennis Tour. A realização é do Instituto Sports.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE