PLACAR

Britto e Saraiva ficam com o vice de duplas no Chile

Paulo Saraiva (Foto: João Pires/Fotojump)

Concepción (Chile) – No duelo entre as duas principais parcerias da chave, os argentinos Juan Pablo Paz e Gonzalo Villanueva levaram a melhor sobre os brasileiros Luís Britto e Paulo Saraiva, e ficaram com o título do ITF M15 de Concecpión, disputado em quadras de saibro no Chile. Nesta sexta-feira, os cabeças 1 venceram uma partida equilibradíssima, decidida apenas no match-tiebreak, com parciais 6/4, 5/7 e 10-5 após duas horas de confronto.

Este foi o sexto título de Paz nas duplas somente em 2023 e o segundo ao lado de Villanueva, que por sua vez alcançou a terceira conquista no ano. Na última semana, eles haviam vencido juntos outro torneio de US$ 15 mil em Concepción, batendo na final o mineiro João Victor Loureiro e o também argentino Lautaro Midon.

Já os brasileiros desperdiçaram a chance de levantar o segundo troféu do ano e não terão os pontos da campanha desta semana acrescentados já na próxima atualização da ATP. Com isso, Luís Britto perderá provisoriamente três posições, caindo da 447ª para a 450ª colocação no ranking da especialidade, enquanto Paulo Saraiva se manterá intacto no 371º posto.

Aos 30 anos, Britto possui dois títulos profissionais nas duplas. Em setembro deste ano, ele foi campeão do M25 de Lujan, na Argentina, com João Schiessl, enquanto em 2022 faturou o M15 de Recife ao lado de Marcelo Zormann. Já Saraiva é sete anos mais novo e tem um troféu na carreira, conquistado em fevereiro deste ano no M15 argentino de Tucuman junto com Fernando Yamacita.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE