PLACAR

Atuais campeões superam Romboli e Wild nas duplas

Fernando Romboli e Thiago Wild (Foto: Fotojump)

Rio de Janeiro (RJ) – Horas depois de ter garantido vaga nas quartas de final de simples do Rio Open, Thiago Wild voltou a quadra nesta quinta-feira para a disputa da chave de duplas. Wild recebeu convite para jogar ao lado de Fernando Romboli, mas a dupla brasileira perdeu para os argentinos Máximo Gonzalez e Andrés Molteni, cabeças de chave 3 e atuais campeões, que marcaram por 6/3 e 7/5 em 1h33 de partida.

Wild agora concentra esforços na disputa individual no Jockey Club Brasileiro. O número 1 do Brasil e 82º do mundo volta a atuar nesta sexta-feira às 18h (de Brasília) contra o britânico Cameron Norrie, cabeça de chave 2 e atual do Rio Open, que ocupa atualmente o 23º lugar do ranking e ainda não perdeu sets no torneio.

Romboli, por sua vez, tem dedicação exclusiva ao circuito de duplas. O experiente jogador de 35 anos ocupa atualmente o 114º lugar do ranking e tem como melhor marca da carreira o 88º lugar. Ele tem apenas uma vitória na temporada, conquistada no challenger português de Oeiras, no piso duro.

Com a queda de Wild e Romboli na estreia, o último brasileiro na chave de duplas é o gaúcho Rafael Matos, que joga ao lado do colombiano Nicolas Barrientos e já está na semifinal. Eles enfrentam os italianos Simone Bolelli e Andrea Vavassori. Matos, de 28 anos, tenta ser o primeiro tenista da casa a vencer o Rio Open nas duplas em dez edições.

Já Gonzalez e Molteni estão nas quartas e enfrentam os austríacos Alexander Erler e Lucas Miedler. Em caso de vitória, jogarão contra os franceses Sadio Doumbia e Fabien Reboul, que venceram o britânico Julian Cash e Robert Galloway, campeões em Delray Beach, por 6/4, 3/6 e 10-5.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE