PLACAR

Alcaraz sai satisfeito com vitória: “Sem altos e baixos”

Foto: Peter Staples/ATP Tour

Melbourne (Austrália) – Cabeça de chave número 2, Carlos Alcaraz teve um bom teste contra o sólido Lorenzo Sonego na segunda rodada do Australian Open nesta quinta-feira. Apesar de ceder um set e disputar dois tiebreaks na partida, o jovem espanhol gostou de seu desempenho, mas admitiu que poderia ter caprichado um pouco mais no desempate do segundo set.

“O que mais gostei no meu desempenho é que não tive grandes altos e baixos. Talvez pudesse ter feito algo melhor no primeiro tiebreak, mas ele fez ótimas devoluções e mereceu vencer aquele set. Tive que me manter firme e consegui voltar a oferecer o meu melhor nível nas parciais seguintes”, destacou o número 2 do mundo.

Alcaraz também comentou sobre o clima na Austrália, destacando a diferença de jogar durante o dia e à noite no Melbourne Park. “É bem difícil se adaptar para competir aqui porque as condições variam muito. Costuma ventar bastante, a umidade também afeta muito a bola, há mudanças drásticas de temperatura. No final, vence quem consegue se adaptar melhor a qualquer circunstância. Eu estou preparado para dar o melhor de mim, não importa o que aconteça naquele dia, e hoje tive que fazer isso bem”, explicou.

O próximo desafio de Carlitos no primeiro Grand Slam da temporada será contra o chinês Juncheng Shang, de 18 anos 140º do ranking. Será a primeira vez que o espanhol de 20 anos enfrentará um rival mais novo do que ele no circuito profissional. Questionado sobre o duelo, ele afirmou ter assistido a alguns jogos do oponente e destacou suas qualidades.

“Eu não o conheço muito, mas vi algumas partidas dele e sei que ele está jogando bem. Acompanhei sua campanha em Hong Kong, onde venceu alguns caras grandes e ganhou o primeiro set contra o [Andrey] Rublev. Então eu sei que ele tem o nível, é um jogador inacreditável. Tenho que estar muito focado no jogo e dar o meu melhor se quiser vencê-lo. Acho que vai ser uma partida divertida de jogar”, analisou.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Rebeca
Rebeca
4 meses atrás

Até então, dos top 15 masculino, quem continua firme sem perder sets, e apresentando um tênis consistente, é o italiano Jannik Sinner, saque potente e variado, além da variação de jogo e um ótimo mental . . . hoje entra em quadra pela terceira rodada, vamos ver se mantêm o embalo.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE