PLACAR

Agente explica estratégia de marketing usada por Sharapova

Foto: Reprodução/Instagram

Miami (EUA) – Experiente empresário esportivo, com mais de 20 anos de atuação na modalidade, o norte-americano Max Eisenbud é reconhecido por seus trabalhos com a russa Maria Sharapova, a chinesa Na Li e mais recentemente com a britânica Emma Raducanu. Mas foi com a ex-número 1 do mundo e dona de cinco títulos de Grand Slam que o agente viveu alguns dos maiores desafios de sua carreira.

Com um apelo midiático imensurável, Sharapova foi uma das grandes estrelas da história do tênis e faturou uma fortuna por meio de seus contratos publicitários. Segundo Eisenbud, no entanto, a jogadora russa poderia ter recebido ainda mais se não tivesse adotado uma estratégia de marketing bastante restrita e que visava lhe dar mais tempo para priorizar os treinos e competições.

Em entrevista ao podcast ‘Served’, apresentado pelo também ex-tenista Andy Roddick, Eisenbud revelou detalhes da carreira de Sharapova e admitiu que ela utilizou técnicas similares às do golfista Tiger Woods, dedicando menos de três semanas por ano para compromissos comerciais.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

“Basicamente, descobrimos que tínhamos 16 dias por ano para cumprir essa agenda sem impedir que ela continuasse sendo uma grande tenista. Maria poderia ter ganhado US$ 20 milhões a mais se adicionássemos mais quatro ou cinco dias, mas permanecemos fiéis ao plano”, destaca o agente.

O norte-americano ainda explica que, apesar de potencialmente renunciar a ganhos substanciais, Sharapova manteve o controle sobre sua imagem e evitou uma super exposição. Tal estratégia, embora financeiramente restritiva num primeiro momento, provavelmente reforçou o seu apelo e comercialização a longo prazo. “A chave é como você maximiza seus ganhos”, enfatiza.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da decisão em Monte Carlo

Medvedev em outro ataque de fúria e desconta na raquete

PUBLICIDADE