PLACAR

Wild vai para cima de Musetti e triunfa também no profissional

Foto: Mutua Madrid Open

Madri (Espanha) – Na reedição da final juvenil do US Open de 2018, o paranaense Thiago Wild repetiu o feito e voltou a bater o italiano Lorenzo Musetti, no primeiro duelo entre eles no profissional. O número 1 do Brasil e 63 do mundo fez mais um grande jogo, foi agressivo e passou por cima do cabeça de chave 28 com uma vitória em sets diretos, com duplo 6/4 anotado em 1h28 de confronto.

Wild poderá ter agora pela frente um páreo muito mais duro contra o atual bicampeão do Masters 1000 de Madri, o espanhol Carlos Alcaraz. Para que este embate se concretize, o segundo pré-classificado terá que confirmar o favoritismo na estreia mais tarde, superando o cazaque Alexander Shevchenko.

Com as duas vitórias conquistadas até então na Caixa Mágica, o paranaense de 24 anos está subindo provisoriamente duas posições no ranking e alcançando o 61º lugar, o melhor até então na carreira. Um novo triunfo pode levar Wild para perto do top 50, chegando até a 55ª colocação.

A conhecida agressividade do brasileiro foi importante para sair de quadra nesta sexta-feira com a vitória. Ele teve mais que o dobro de bolas vencedoras (29 a 14), mas também terminou a partida com mais erros não forçados (14 a 7). O saque também foi importante, com Wild vencendo 72% dos pontos disputados, salvando todos os quatro break-points que enfrentou.

Wild começa muito firme

O equilíbrio foi a marca do jogo e a definição se deu em alguns pontos importantes. Wild não abdicou de trazer o controle da partida mais para o seu lado e mostrou a agressividade que lhe é característica no primeiro set. Indo para as bolas, ele anotou 16 winners e seis erros não forçados, contra nove winners de Musetti e apenas um erro não forçado.

Nos três primeiros games, os sacadores prevaleceram sem dificuldades, mas no quarto e quinto é que a parcial acabou sendo definida. Wild conseguiu salvar dois break-points para fazer 2/2 e depois contou com um deslize do italiano, que encarou 0-40 com o serviço, até salvou duas chances de quebra, mas sucumbiu na terceira. Depois disso, o paranaense administrou a vantagem e abriu 1 a 0.

Agressividade foi decisiva

A história do segundo set foi parecida, novamente com um embate muito parelho e poucas chances de quebra para ambos os lados. Em melhor momento, Wild deixou escapar um break-point logo no primeiro game e então a disputa ficou acirrada, sem break-points para qualquer um dos lados.

Wild foi pressionado no oitavo game, quando encarou o primeiro break-point contra na parcial, se salvando ao seu estilo, sacou bem e foi agressivo na bola seguinte, subindo à rede para matar o ponto. Logo em seguida, ele pressionou Musetti e obteve uma quebra importantíssima. O brasileiro sacou em 5/4 para fechar, salvou novo break-point e selou a vitória no segundo match-point.

89 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Guilherme Alcantara
Guilherme Alcantara
29 dias atrás

SELVAGEM.
Tá, eh impossível não sonhar com voos muito alto com Wild e Fonseca nessa fase. Meu Deus kkkk
Jogou muito, cabeça muito firme, salvou todos os BP’s. Sensacional.
E oh, podemos não levar, mas vamos dar trabalho nessa Davis e esse jogo já foi um presságio.

Walter
Walter
29 dias atrás
Responder para  Guilherme Alcantara

Bem lembrado… O técnico da Itália vai ficar cabreiro.. Antes foi o sonego, agora o musetti

Fernando Venezian
Fernando Venezian
29 dias atrás

Wild foi implacável! Musetti não é brincadeira e o brasileiro nem tomou conhecimento! Outra atuação impecável!

Blumenau coleções
Blumenau coleções
29 dias atrás

Agora é esperar (quem sabe) Alcaraz.

Adalberto
Adalberto
29 dias atrás

Tempo dos brazucas em Madrid!
Como está sendo doce essas manhãs!

Luiz Carlos
Luiz Carlos
29 dias atrás

1, 2, 3 Musetti é freguês.

Gilbert Becou
Gilbert Becou
29 dias atrás

Belíssima Vitória, o Alcaraz pode esperar sua hora vai chegar !!!!! do jeito q está jogando e com confiança lá em cima,eu acredito q ele possa surpreender o Espanhol

Paulo Mala
Paulo Mala
29 dias atrás
Responder para  Gilbert Becou

Também não é para tanto… Alcaraz é nível bem acima.
Só se ele ainda estiver sofrendo problemas fisicos

Tttt
Tttt
29 dias atrás
Responder para  Paulo Mala

E Medvedev não é nivel acima, Karem 15, safulin,rublev quase, só Aslan agora

Paulo Mala
Paulo Mala
29 dias atrás
Responder para  Tttt

Olha, Medvedev é sim nível acima. Mas ele perdeu pro Wild no saibro, piso que é muito diferente a performance dele. E o Alcaraz é superior a não só o Med no saibro, como também no piso duro. Mantenhamos a cabeça no lugar

JotaDuLL
JotaDuLL
29 dias atrás
Responder para  Gilbert Becou

Ahahahhaah Boa!!! Merece!!! Ahahahha

Fred Magalhães
Fred Magalhães
29 dias atrás

Venceu com muita autoridade. Controlou Musetti e não deixou o italiano confortável em nenhum momento, e olhe que achei que o wild não jogou no seu limitem. Fez o suficiente pra ganhar.

Jorge Luiz
Jorge Luiz
29 dias atrás

Sensacional Wild, jogando muito,bora torcer sempre

Felipe Rossa
Felipe Rossa
29 dias atrás

Wild tá jogando muito tênis!
Vai ser bonito de ver o jogo contra Alcaraz.
Tem chances de ganhar pelo que está jogando, Wild e Fonseca tem uma coisa em comum: Gostam de jogos grandes…

Leonel
Leonel
29 dias atrás
Responder para  Felipe Rossa

E não vamos esquecer que o Wild ganhou do Medvedev então já mostrou que pode sim ganhar de QQ um no saibro.Bora ganhar do Alcaraz.

RenatoDalessi
RenatoDalessi
29 dias atrás
Responder para  Leonel

e por capricho dos deuses nao ganhou do Rublev

Sérgio Rossa Filho
Sérgio Rossa Filho
29 dias atrás
Responder para  Felipe Rossa

Rossa?? Bom dia. Compartilhamos o mesmo sobrenome. Em que estado você está?

Felipe Rossa
Felipe Rossa
29 dias atrás
Responder para  Sérgio Rossa Filho

Opa!
Sou gaúcho de Campo Bom.
Meu pai é a família são natural de Canela RS…

Andre Borges
Andre Borges
29 dias atrás

Se jogar desse jeito com o Alcaraz meio baleado “temos um djogoooo”

Fukuha
Fukuha
29 dias atrás

Jogou muito, arrisco dizer que tem jogo pra top 30, cabeça no lugar e com saque e golpes potentes em ambos os lados, se mostra hj um jogador completo.

Marcos Souza
Marcos Souza
29 dias atrás

Ótima vitória. Subindo ladeira acima.

Miel Antunes
Miel Antunes
29 dias atrás

Grande jogo do Wild.
Fico com a impressão, porém, de certa arrogância no rapaz… rs Seria só impressão?

Vanessa
Vanessa
29 dias atrás
Responder para  Miel Antunes

Provavelmente é só impressão sua…

Leonel
Leonel
29 dias atrás
Responder para  Miel Antunes

Os dois melhoraram muito no quesito arrogância. Musetti chegou a sacar por baixo na fase mais ridícula dele.

Fábio
Fábio
29 dias atrás
Responder para  Leonel

Sim, o Museti ganhou 2 sets do Djoko em RG e sorria… depois …Nole 3 a 2….

Eduardo
Eduardo
29 dias atrás
Responder para  Leonel

Murray já sacou por baixo. Isso não quer dizer nada.

Paulo Gusso
Paulo Gusso
29 dias atrás
Responder para  Miel Antunes

Ele tem o jeitão dele… Gosta de manter a autoestima elevada.. O que é muito importante em um esporte como o tênis… Nem todos incorporam o personagem de bom menino…

Ivan
Ivan
29 dias atrás
Responder para  Paulo Gusso

É isso aí Paulo.

Cristian Costa
Cristian Costa
29 dias atrás
Responder para  Miel Antunes

Ai já caçando pelo em ovo kkk

Gustavo Luis
Gustavo Luis
29 dias atrás

Alcaraz ainda sem ritmo, sonhar não custa nada!

Felipe Rossa
Felipe Rossa
29 dias atrás

Pra quem não viu o jogo!
Wild fez um voleio sensacional, que deve ser o lance da semana…

Rafael Azevedo
Rafael Azevedo
29 dias atrás
Responder para  Felipe Rossa

Fez…
Mas, também, colocou muitos voleios fáceis na rede. Bom que ainda tem margem para melhorar seu jogo.

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
29 dias atrás

Esses brasileiros estão fazendo Madrid virar verde, amarelo, azul e branco. Parabéns, jogou como profissional mesmo. Nada é impossível no tênis, que venha o Alcaraz. Outro dia o 123 ganhou do Djoko, o mesmo Wild ganhou do Medvedev em RG.

flavio
flavio
29 dias atrás

O “hómi” tá jogando muito !!!!

Miel Antunes
Miel Antunes
29 dias atrás

Boa Wild. Jogou com autoridade. Musetti nao parecia o cabeça…

Belarmino Jr
Belarmino Jr
29 dias atrás

Olha que dá pra ganhar SIM do Alcaraz! Wild gosta de jogos grandes.

Cesar Augusto Bandeira Groff
Cesar Augusto Bandeira Groff
29 dias atrás

Bora ganhar ai nessa caixa magica e vamos pra cima do Carlitos pois sou mais vc Wild…

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
29 dias atrás

Grande vitória do Wild,jogou bem firme controlando o jogo,se continuar assim os Challengers vão ficar no passado,valeu Wild!

Richard Krajicek
Richard Krajicek
29 dias atrás

Resumo: mais uma grande atuação do Thiago, para a tristeza dos inimigos dos princípios da presunção de inocência e do devido processo legal, dois pilares do Estado Democrático de Direito no Brasil e no mundo.

Jose Maria
Jose Maria
29 dias atrás
Responder para  Richard Krajicek

Aqui o assunto é tenis não vamos sair do orincipal

Fernando S P
Fernando S P
29 dias atrás
Responder para  Jose Maria

Ele está correto aqui pois focou no Wild e não no que está acontecendo no Brasil com a censura. Thiago W. foi julgado antes pela opinião pública, mas foi inocentado na justiça. Tinha 22 anos e a namorada 30 e a extorsão parecia uma opção plausível, mas ainda assim…

Arthur
Arthur
29 dias atrás
Responder para  Fernando S P

Oq ele fez pra ir parar na justiça?

Thiago Silva
Thiago Silva
29 dias atrás

Melhor hora possível pra enfrentar o Alcaraz que vem de algumas semanas parado, não vou me surpreender se o Wild ganhar.

Danilo Jeolás
Danilo Jeolás
29 dias atrás

Jogar contra o Alcaraz e em Madrid seria sensacional. Vamos ver se o Shevchenko não apronta para o duelo ocorrer.

Marcus B.
Marcus B.
29 dias atrás

Peguei apenas o final do jogo!
Foi agressivo no saque do italiano, no ultimo game rolou um pouco de ansiedade para fechar errando primeiro serviço e bolas longas fora da linha, mas o italiano também abusou dos erros.
Parabéns pela constância em Master 1000 chegando em R3!
Se for contra o Alcaraz é o tipo de jogo que gosta de jogar! Efeito Fonseca atingindo os demais brasucas! Voa Wild!!!

Clóvis Rizzi
Clóvis Rizzi
29 dias atrás
Responder para  Marcus B.

Vamos dar os créditos para quem merece, Wild já está na batalha a mais tempo e apresentando bons resultados em outros M1000, sem contar que já é campeão de ATP. Ele está surfando a própria onda, acho que é mérito dele e não efeito Fonseca.

Edinho Godoy
Edinho Godoy
29 dias atrás
Responder para  Clóvis Rizzi

Efeito Fonseca talvez seja exagero, mas é inegável que quando você tem mais atletas do país jogando em alto nível, ajuda todo mundo. Dividem-se as responsabilidades, diminui o peso. Wild realmente vem em ascensão, mas sua melhor fase (agora) e o bom momento tb do Monteiro, coincidem exatamente com o período em que o João está subindo vertiginosamente. É um mix.

Marcus B.
Marcus B.
29 dias atrás
Responder para  Edinho Godoy

EXATAMENTE ISSO EDINHO !!!!

Marcus B.
Marcus B.
29 dias atrás
Responder para  Clóvis Rizzi

Me expressei mal, foi a empolgação da vitoria dele!!! Mas que estimula muito ter outros brasileiros brilhando, estimula!!!

Maroc Ponti
Maroc Ponti
29 dias atrás

Obrigado e parabens Tiago, De alguma forma faz a vida de brasileiros imigrantes um pouco mais fácil.

Guilherme Ribeiro
Guilherme Ribeiro
29 dias atrás

Belíssimo jogo do Wild. Agressivo e corajoso o tempo todo. A direita andou demais hoje. Não deixou o Musetti confortável em nenhum momento. Mais uma vitória contra um TOP30, novamente uma 3º rodada em Master 1000. Mantendo esse nível de jogo, chegará ao TOP50 este ano. Se vier o Alcaraz, amplo favorito para vencer o Shevchenko, será legal de ver. E aí são os jogos que o Thiago gosta. Sem pressão, acho que será um jogo divertido. E a responsabilidade será toda do Alcaraz. Legal ver brasileiros avançando neste nível de torneio e enfrentando os melhores do mundo.

Geraldo Cristóvão
Geraldo Cristóvão
29 dias atrás

Esses resultados inesperados são muito motivadores para os nossos tenistas. Termina por incentivar até mesmo Thiago Monteiro. A questão emocional é realmente contagiante. Então, de repente, temos 3 tenistas de alta linha precisando de incentivos para voar. Monteiro ficou por muito tempo um cavaleiro solitário no circuito. Em quem se espelhar?
– O Big four está com seu último espasmo ainda pulsando. A nova geração já chegou com jogadores precoces se destacando. Os intermediários (ZVEREV, MEDVEDEV, TSITSIPAS) oscilando. Então, não temos herói nacional.
Seria muito bom que Monteiro se reinventasse e formasse um Brazil Storm com Fonseca e Wild.
WILD é bom jogador, mas estava atormentado com problemas pessoais. Agora, ele está extravasando. E como um vulcão adormecido, explode e flui torrencialmente para desafogar a pressão interna.
A geração juvenil vencedora de Thiago Wild é TOP 30 e ele foi vencedor daquela geração, então podemos esperar que ele alcance seu lugar de destaque. Com a cabeça no lugar, jogando o que sabe e pode (físico é bom), pode escalar o panteão dos tenistas.
João Fonseca é daquelas figuras vencedoras que surgem em tempos imemoriais, com destaques nos torneios relevantes. Então, o garoto já está com estratégia de grandes tenistas e com sorte, recebeu convites para torneios importantes e vem fazendo bonito.
São históricos diferentes de membros que formam uma equipe, esperamos dar uma chacoalhada na torcida brasileira. Desde a despedida de Kuerten, tivemos poucas glórias no circuito, sem esquecer dos guerreiros de nossa esquadra como Belluci, Saretta, Alves e irmãos Dutra.
Eu não queria sonhar, mas este final de semana mágico dos tenista com vitórias importantes pode desencadear um sentimento de orgulho para a torcida brasileira.
Avante, Brazillian Storm!!!

Paulo Mala
Paulo Mala
29 dias atrás
Responder para  Geraldo Cristóvão

Monteiro pode considerar carta fora do baralho. Já vai fazer 30 anos mês que vem, e o decliclinio dele já começou desde o ano passado
Foi um jogador que foi mais longe que o esperado se olharmos suas deficiências técnicas, não dá pra esperar que melhore ainda mais

JONY MARCIO SANTOS
JONY MARCIO SANTOS
29 dias atrás

Excelente. Dominou a partida o tempo todo. E esse italiano é talentoso demais, o que valoriza muito a vitória do brasileiro. Acho que até Roland Garros no máximo já vamos ter mais um brasileiro entrando no Top 50. E tem potencial pra mais. Quem sabe no final do ano já teremos o Wild no Top 30, com Monteiro e Fonseca no Top 100.

Marcelo Krebs
Marcelo Krebs
29 dias atrás

Wild jogou o que conhecemos e com a confiança em alta é páreo duro pros outros. Sobre o Alcaraz além de estar sem ritmo ainda pega o Schevchenko que é bom jogador. A ver…

Luiz Otavio
Luiz Otavio
29 dias atrás

Jogou muito em todos fundamentos. A unica “ressalva” foi nas deixadas no segundo set, foram quatro no meio da rede. Ate fiquei pensando que ele poderia perder o mental, mas continuou firme.

Rafael Azevedo
Rafael Azevedo
29 dias atrás
Responder para  Luiz Otavio

Mas, no primeiro set, as deixadas foram perfeitas. E ele fez bastante.

Luiz Otavio
Luiz Otavio
29 dias atrás
Responder para  Rafael Azevedo

Sim, mas no segundo não entrou. Como ele é instavel, poderia perder a cabeça, mas se manteve firme. Se manter a cabeça bem, no domingo, contra possivelmente um Alcaraz meia bomba tem chance.

Arangomie
Arangomie
29 dias atrás
Responder para  Luiz Otavio

Mental mais que em dia.

Errava a deixava e o ponto seguinte era muito firme.

Não se abalou com break points, nada.

Hoje foi 10 e está mostrando tênis pra subir mais no ranking.

Eu achei que havíamos perdido ele, que claramente tem talento pra top 10, mas ele me parece recuperado.

O realista
O realista
29 dias atrás

Sonhar como vcs fazem sobre vencer o Alcaraz é bacana…
Mas ali é outra realidade. O cara devolve tudo e mais um pouco, eu não duvido que isso enerve o Wild e ele volte a ser mimizento nessa partida.

Leonel
Leonel
29 dias atrás
Responder para  O realista

Talvez ele se irrite se o jogo ficar parelho e perder nós detalhes. Se perder com sobras o cérebro nosso aceita mais a realidade. Agora ficar no quase ganhou fica ruim de aceitar. Isso a gente viu na derrota dele para o Nicolas Jarry. Tava pra ganhar o jogo e tomou virada.

Evandro
Evandro
29 dias atrás
Responder para  Leonel

São situações muito normais e fazem parte do aprendizado desses atletas. Certo é que será um duelo imprevisível. Alcaraz já sabe disso.

Beto_poa
Beto_poa
29 dias atrás
Responder para  O realista

a realidade é que por enquanto o Wild é apenas um adversário, se jogar BEM, perigoso e complicado para o Alcaraz.

André Aguiar
André Aguiar
29 dias atrás
Responder para  O realista

O Wild adoraria se o murciano só devolvesse tudo e mais um pouco.

Fabricio
Fabricio
29 dias atrás

Wild aos poucos vem se tornando um jogadorasso! Tem muita bola nosso garoto! Eu acredito contra o Alcaraz heim? Vamos !

Refaelov
Refaelov
29 dias atrás

Assisti logo após o Wild quebrar o italiano no 1° set. Ao meu ver nenhum dos 2 jogou seu melhor nível de tênis e, pelo lado do Wild, o destaque positivo foi o mental: n cedeu nenhuma das quebras, jogando em alto nível nos momentos críticos do jogo..

Sinceramente n dá vontade de secar o Alcaraz hj n, penso q seria legal pro tênis BR esse duelo com o Carlitos na terceira rodada e, traria lições importantes pro Wild independente do resultado.. Bora por mais!

Última edição 29 dias atrás by Refaelov
Rodrigo
Rodrigo
29 dias atrás

Low-key, vai trilhando seu caminho. Que continue dando alegria a nós brasileiros.

LucTomé
LucTomé
29 dias atrás

Alcaraz que se cuide!!!
Acho que, em breve, Wild e João estarão disputando o posto de melhor do Brasil, para nossa grande sorte.

Scott
Scott
29 dias atrás

Selvaaaaaagem!
Um alento para o Brasil e um tapa na cara de quem.faz política nos esportes.

Andre Lima
Andre Lima
29 dias atrás

Grande vitória. Uma pergunta, no caso ele não tem q defender os pontos CH de buenos aires? lá ele tinha ganhado 50 pontos e agora ele está fazendo 50 pontos…ou já foi tirado esses pontos? Pq se não ele vai continuar onde está. Mas fora isso se tudo de certo wild e fonseca e matos subindo de produção … Brasil tem tudo pra ter um grande time na davis, capaz de vencer qualquer pais.

Fernando S P
Fernando S P
29 dias atrás
Responder para  Andre Lima

Ele defende pontos, sim. Por isso, está subindo apenas duas posições, pois outros não estão defendendo.

Alexandre
Alexandre
29 dias atrás

Jogando demais nosso futuro n2

Rjunior
Rjunior
29 dias atrás
Responder para  Alexandre

não entendi…… ???????

Paulo Mala
Paulo Mala
29 dias atrás
Responder para  Rjunior

Ele quer dizer que o Fonseca será o 1 e Wild o 2

Fernando S P
Fernando S P
29 dias atrás
Responder para  Rjunior

Em um ano ou dois, é provável que o Fonseca seja o número 1.

Última edição 29 dias atrás by Fernando S P
NFdS
NFdS
29 dias atrás

Péraumpokinho: o Alcaraz já passou pra terceira rodada?

Rafael Azevedo
Rafael Azevedo
29 dias atrás

Obviamente, ele terá muito mais chances contra o Shevchenko, mas estou torcendo para ele enfrentar o Alcaraz na próxima rodada. É o melhor momento possível para esse duelo.

João Sawao ando
João Sawao ando
29 dias atrás

Agora o que vier é lucro. Provavelmente Carlos

Rjunior
Rjunior
29 dias atrás

WILD está jogando muito… muito agressivo. Não vende barato pra ninguém

Bruno
Bruno
29 dias atrás

Se até o Thiago Monteiro ganhou do Alcaraz, por que não o Wild?! hehheh

Jadir Rodrigues
Jadir Rodrigues
29 dias atrás

Excelente vitória do Thiago Wild!
Penso que o ideal, nessas situações, seria pensar jogo a jogo, sem exageros nem imposição de objetivos mirabolantes. É aguardar a confirmação do próximo adversário, a partir daí trabalhar o plano para o confronto.

Marcos
Marcos
29 dias atrás

Wild e João se encontram na final ou na semi?

Marcos Souza
Marcos Souza
29 dias atrás
Responder para  Marcos

Na final. Torcendo.

Xico Tripas
Xico Tripas
29 dias atrás

Grande fase do Wild e do Fonseca.
Em relação ao Wild, fica o dizer da maioria dos treinadores: é mais fácil “domar” a loucura de um jogador “espoleta” como o Wild do que fazer um jogador “mansinho” ficar “espoleta” na hora que precisa.
Quanto ao Fonseca, está indo bem rápido. Isso mostra que o olhar do Federer é de águia. Foi investir em um jogador com real potencial.
Lembrando que o Djokovic também tem um pupilo – Hamad Medjedovic (20 anos) – que já é quase top 100 e ganhou o Nex Gen 2023.

Juscelino Pinho
Juscelino Pinho
29 dias atrás

Da forma como as coisas estão acontecendo, começo a torcer por uma final brasileira. Kkkk

Luiz Fernandes
Luiz Fernandes
29 dias atrás

Totalmente diferente a postura do Wild, sério, concentrado ele assim joga muito. Próxima Alcaraz favorito claro, porém o Brasileiro não tem medo de jogo grande, vamos sonhar.

vera
vera
29 dias atrás

Parabéns Wil!!! pé no chão , claro. Já foi Medvedev, Kachanove e outros, que venha at[é Alcaraz, rrespeitar óbvio; mas não se intimidar , você tem tênis pra vencer. Booraaaaaa

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE