PLACAR

Wild e Monteiro lideram a equipe brasileira na Davis

Foto: CBT

Florianópolis (SC) – O capitão Jaime Oncins convocou nesta sexta-feira a equipe brasileira que enfrentará a Suécia pelo Qualificatório Mundial da Copa Davis. Os jogos acontecem nos dias 2 e 3 de fevereiro, em quadra dura e coberta de Helsingborg. Quem vencer se classifica para a fase de grupos da competição, que começa em 9 de setembro.

Os quatro brasileiros mais bem colocados no ranking de simples foram chamados, com destaque para o paranaense Thiago Wild e o cearense Thiago Monteiro, que venceram seus jogos no recente duelo contra a Dinamarca, também fora de casa, no ano passado. Atualmente, Wild é o 79º do mundo, enquanto Monteiro está na 122ª posição.

Os paulistas Felipe Meligeni, 148º do ranking, e Gustavo Heide, 247º colocado, também estão entre os convocados da equipe nacional. É provável que Meligeni também seja escalado para a partida de duplas, ao lado do gaúcho Rafael Matos, especialista na modalidade e 59º colocado.

“Mais um confronto fora de casa. Acredito que as condições estarão bem parecidas com o confronto contra a Dinamarca, em questão de piso e quadra coberta. Alguns jogadores estarão vindo da temporada de quadra dura na Austrália, outros da América do Sul. Todos já reconhecem a importância da Copa Davis e estamos entusiasmos e otimistas para o confronto”, disse Oncins.

Já a Suécia terá como principal jogador o 155º do ranking Elias Ymer, além de Karl Friberg (365º), Leo Borg (396º) e dos duplistas Andre Goransson (67º) e Filip Bergevi (154º). O capitão é Simon Aspelin.

A Suécia venceu os dois duelos anteriores contra o Brasil na Davis, o primeiro também em Helsingborg em 2003 e o mais recente em Belo Horizonte em 2006.

8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Ivan
Ivan
5 meses atrás

O Michael Ymer tá suspenso? Por quanto tempo?

Leonel
Leonel
5 meses atrás
Responder para  Ivan

Foi pego no doping e sabendo que ia pegar gancho alto resolveu abandonar o esporte.

Leonel
Leonel
5 meses atrás
Responder para  Ivan

Ivan. Michael Ymer número 1 e Nicolas Madrasta número 3 do ranking da Suécia foram afastados por doping. O Nicolae Madaras é mais recente(agosto ou setembro)2023.

Leo
Leo
5 meses atrás

Confronto teoricamente tranquilo. Foi se o tempo da Suécia…
Mas o Monteiro sempre se complica em jogos com adversários de baixo ranking. Não dá pra confiar muito nos pontos que ele jogar

Christiano
Christiano
5 meses atrás

A dupla sueca é forte, mas a nossa é mais bem rankeada. Acho que o confronto deverá se definir nessa modalidade. Wild deverá confirmar seus dois pontos, visto que é favorito contra L. Borg ou K. Friberg, que são hoje jogadores de future. Contra E. Ymer, deverá ter um duro confronto mas deve levar também. Nosso Raquete 2, se for o Monteiro, virá com pouco tempo para se adaptar ao piso rápido, visto que virá de jogos no saibro sul-americano. Meligeni seria a decisão mais lógica, mas o campineiro oscila muito pra ser considerado um Nro. 2 confiável. Confronto aparentemente tranquilo pro Brasil, mas requer bastante cautela, pois qualquer vacilo contra eles é fatal.

Paulo A.
Paulo A.
5 meses atrás

Grande chance para o Brasil. Estou bem otimista.

Ubirajara
Ubirajara
5 meses atrás

Confronto ganhável!! Bora Brasil!!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE