PLACAR

Sinner vence ‘tira-teima’ com Shelton e vai às quartas

Foto: Peter Staples/ATP Tour

Indian Wells (EUA) – Ainda não houve tenista capaz de parar o italiano Jannik Sinner na temporada 2024. Mesmo diante da torcida americana e da artilharia pesada do canhoto Ben Shelton, o campeão do Australian Open chegou ao 15º jogo de invencibilidade na noite desta terça-feira e está outra vez nas quartas de final do Masters 1000 de Indian Wells.

Ele venceu o ‘tira-teima’ contra o também jovem americano, já que havia perdido de virada nas oitavas de Xangai e se recuperado logo em seguida na primeira rodada de Viena. O jogo outra vez foi bem disputado e Sinner precisou de um tiebreak para concluir a vitória com as parciais de 7/6 (7-4) e 6/1.

Para repetir a campanha do ano passado e defender os pontos acumulados, Sinner precisará agora passar pelo ascendente tcheco Jiri Lehecka, que no começo da rodada passou bem pelo grego Stefanos Tsitsipas. Os dois se cruzaram apenas uma vez e em nível challenger, no saibro de Ostrava, e Lehecka venceu o jogo de 2019.

Com as 15 vitórias no ano, Sinner repete a série vitoriosa de Novak Djokovic do ano passado, mas está ainda distante das 20 vitórias de Rafael Nadal em 2022 e mais ainda das 26 obtidas por Nole em 2020. No geral, Sinner tem agora 18 vitórias seguidas e 35 de 37 possíveis desde setembro, tendo como únicas derrotas a decisão do Finals para Djokovic e essa mesma para Shelton em Xangai.

Pequeno vacilo no primeiro set
Diante do excepcional sacador canhoto, Sinner tentou se esmerar nas devoluções e esperar oportunidades, mas foi Shelton quem aproveitou-se de erros para somar quatro break-points no quarto game, que no entanto não conseguiu converter graças aos bons serviços do italiano. Como castigo, perdeu o saque no game seguinte e Sinner cresceu muito, com golpes muito pesados da base e ótimas variações junto à rede.

Mas na hora de concluir o set com o saque, Sinner não foi bem e viu Shelton confiante nas devoluções e com ótima movimentação. O americano ainda escapou de 0-40 antes de levar ao tiebreak, mas não foi bem com o saque. O italiano abriu 4-1, se atrapalhou e permitiu empate e conseguiu outra quebra para enfim ratificar o favoritismo.

O segundo set foi bem mais tranquilo, já que Shelton caiu de qualidade nos golpes da base. Sinner rapidamente abriu 3/0 e 4/1 e aí o adversário não esboçou mais reação. Sheltn terminou com 35 erros, mais de três vezes dos 11 cometidos pelo italiano.

 

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Marcelo Seri
Marcelo Seri
1 mês atrás

O placar correto é 7/5 6/1.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE