PLACAR

Sinner passa por bom teste na estreia em Melbourne

Foto: Tennis Australia

Melbourne (Austrália) – Cabeça de chave número 4, o italiano Jannik Sinner teve um teste duro logo em sua estreia no Australian Open contra o holandês Botic van de Zandschulp. Porém, ele conseguiu se impor em quadra e fez valer o favoritismo, triunfando em sets diretos, com o placar final de 6/4, 7/5 e 6/3, depois de 2h35 de partida.

Firme com o saque, o italiano sofreu apenas uma quebra e venceu 67% dos pontos disputados, contra 56% do rival holandês, que enfrentou 15 break-points no decorrer da disputa e perdeu cinco deles. Sinner terminou o jogo com as mesmas 26 bolas vencedoras de Van de Zandschulp, mas cometeu menos erros não forçados (37 a 45).

Na segunda rodada, Sinner pode ter outro holandês pela frente, uma vez que pega o vencedor do confronto que de um lado tem o quali Jesper de Jong, compatriota de Van de Zandschulp, e do outro o argentino Pedro Cachin.

A competição começou boa para os italianos, uma vez que Matteo Arnaldi também avançou, derrotando o convidado da casa Adam Walton por 3 sets a 0, com parciais de 7/6 (7-5), 6/2 e 6/4. Seu próximo oponente na competição será ou o australiano Alex de Minaur, que começou 2024 em alta, ou o canadense Milos Raonic.

O espanhol Jaume Munar foi o primeiro vencedor da chave masculina deste Australian Open. Abrindo o domingo, ele precisou de 1h55 para passar pelo russo Alexander Shevchenko, triunfando com parciais de 6/3, 6/3 e 6/1. Na segunda rodada, Munar medirá forças com o vencedor da partida entre o francês Adrian Mannarino e o veterano suíço Stan Wawrinka.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE