PLACAR

Rybakina bate Sabalenka e completa semi em Pequim

Foto: China Open

Pequim (China) – Na última partida desta sexta-feira no WTA 1000 de Pequim, a cazaque Elena Rybakina se garantiu nas semifinais do torneio com uma grande vitória sobre a número 1 do mundo Aryna Sabalenka, batendo a bielorrussa em sets diretos, com parciais de 7/5 e 6/2, após 1h34 de confronto.

Esta foi a segunda vitória de Rybakina sobre Sabalenka, que havia levado a melhor nos quatro primeiros embates, mas perdeu os dois últimos. A cazaque terá agora pela frente a russa Liudmila Samsonova, que mais cedo derrotara a letã Jelena Ostapenko com o placar final de 6/3 e 6/2.

Apesar de ter uma carreira bem mais vitoriosa que Samsonova, a cazaque ainda não sabe o que é vencer a russa pelo circuito. Rybakina perdeu os três duelos anteriores entre elas, dois deles em Montréal (2021 e 2023) e um em Tóquio (2021).

Com a vitória desta sexta, sua quarta seguida contra uma número 1 do mundo, Rybakina se tornou a primeira a alcançar tal feito desde a suíça Belinda Bencic, que fez o mesmo entre Toronto 2015 e US Open 2019.

Rybakina largou na frente e anotou a primeira quebra da partida, no terceiro game, mas logo em seguida viu Sabalenka devolver o break. O placar permaneceu igualado até o 11º game, quando teve cinco break-points para converter o quinto. Na sequência ela confirmou o saque e abriu 1 a 0.

Com o placar favorável, a cazaque acabou deslanchando na segunda parcial. Depois de chegar empatada por 2/2, Rybakina anotou duas quebras seguidas para cima da líder do ranking e venceu os quatro games que precisava para fechar o set e selar sua vitória.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE